A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Setembro de 2019

05/09/2019 11:21

Puccinelli faz visita “relâmpago” à Câmara, a segunda em menos de um mês

Ex-governador ficou meia hora no gabinete do vereador Wilson Sami, onde falou sobre o partido e negou candidatura

Izabela Sanchez e Fernanda Palheta
André Puccinelli, ex-governador do estado pelo MDB, em visita à Câmara Municipal (Foto: Adriano Hany)André Puccinelli, ex-governador do estado pelo MDB, em visita à Câmara Municipal (Foto: Adriano Hany)

O ex-governador André Puccinelli (MDB) apareceu de surpresa na Câmara Municipal de Campo Grande na manhã desta quinta-feira (5). Em visita relâmpago ao gabinete do vereador Wilson Sami (MDB) – onde ficou por 30 minutos -, Puccinelli falou em fortalecer a bancada do partido na Câmara.

Conforme Wilson Sami, o ex-governador acredita que a Câmara seja, hoje, a representante do MDB em Mato Grosso do Sul, enfraquecido pela falta de parlamentares federais e estaduais. “Veio hoje para uma visita cortesia. O Puccinelli já tinha vindo antes e agora vai vir com mais frequência”, comentou Sami. “Ele virá mais para dar atenção à bancada do MDB”, avaliou o vereador.

Eleições - Nos corredores da Câmara, o ex-governador falou sobre as eleições e negou, pela enésima vez, intenção de ser candidato à Prefeitura de Campo Grande em 2020. Wilson Sami afirma que, no gabinete, o líder do partido citou Junior Mochi, Márcio Fernandes e Simone Tebet como possíveis candidatos. A escolha vai depender de uma pesquisa de intenção, disse o vereador.

Questionado sobre o assunto, Puccinelli, rindo, comentou “não ter pretensão política”. “Eu não tenho pretensão política. Já falei, vocês não acreditam”.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions