A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 18 de Agosto de 2017

24/10/2014 11:15

Reinaldo amplia previsão de gasto na campanha; Delcidio mantém valor

Kleber Clajus

O candidato ao governo do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), ampliou em R$ 10 milhões previsão de gastos de campanha, utilizando por justificativa o segundo turno das eleições. A medida foi autorizada pela juíza relatora do TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral), Telma Valéria da Silva Marcon.

Delcídio do Amaral (PT), por sua vez, manteve previsão de R$ 28 milhões, tendo declarado, em setembro, gastos efetivos de R$ 13.074.980,80. No mesmo período, Reinaldo registrou despesas de R$ 11.146.116,84.

A previsão inicial era de que o tucano investisse R$ 25 milhões na campanha, mas a equipe requereu a majoração por “novas despesas com o pessoal que trabalhava para os candidatos aderentes e agora trabalharão para o candidato Reinaldo Azambuja, e ainda gastos com veículos, impressos e materiais de expediente”.

De acordo com a legislação eleitoral, os candidatos fixam limite máximo de gastos de campanha até 10 de junho, tendo após o período que solicitar autorização do relator de seu processo para alterá-lo. Com a aprovação, a equipe de Azambuja necessita agora atualizar os dados no sistema de registro de candidatura.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions