ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SÁBADO  25    CAMPO GRANDE 33º

Política

Reinaldo rebate André e diz que pegou estado quebrado

Governador se irritou com declaração de Puccinelli sobre contas do Estado

Por Ângela Kempfer e Adriel Mattos | 26/07/2021 16:24
Reinaldo Azambuja durante evento de entrega de viaturas policiais na tarde de hoje. (Foto: Paulo Francis)
Reinaldo Azambuja durante evento de entrega de viaturas policiais na tarde de hoje. (Foto: Paulo Francis)

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) voltou a afirmar que assumiu o Estado quebrado, “sem crédito, sem infraestrutura”. A lembrança foi resposta ao antecessor André Puccinelli (MDB), que nesta segunda-feira (26) anunciou que será candidato em 2022, já disparando contra a atual administração.

Reinaldo se irritou com as declarações de que o MDB havia entregue as contas em ordem, com nota “B” em crédito e de que o PSDB teria caído para classificação para “C” o que, segundo ele, é mentira. "O Estado não tem letra B, é letra A em crédito. Isso é fruto de uma gestão austera. Isso é fruto de uma gestão austera e responsável. Nós resgatamos a capacidade de investimento do Estado”.

O atual governador também lembrou da realidade dos servidores públicos ao fim da gestão do MDB. “Tinha servidor chorando por promoção”.

Sobre a saúde das contas, Reinaldo disse que só agora conseguiu recuperar o que o MDB não conseguiu.  “O Estado na gestão anterior nunca cumpriu as metas do ajuste fiscal. Quem assinou (o compromisso) foi o Zeca (do PT), mas só agora, no sexto ano do governo, conseguimos. Nunca tinham cumprido e agora estamos cumprindo”, afirmou.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário