ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SÁBADO  18    CAMPO GRANDE 36º

Política

Puccinelli confirma que é candidato ao governo e abre "vaquinha"

Ex-governador ainda pediu R$ 1.064 sem burocracia para quem o escutava em programa de rádio

Por Gabriela Couto | 26/07/2021 08:17
Ex-governador, André Puccinelli (MDB), destacou que movimento #voltaandre tem o sensibilizado para a disputa eleitoral (Foto Reprodução)
Ex-governador, André Puccinelli (MDB), destacou que movimento #voltaandre tem o sensibilizado para a disputa eleitoral (Foto Reprodução)

O ex-governador, André Puccinelli (MDB), confirmou que é pré-candidato a sucessão estadual no ano que vem e já abriu uma "vaquinha" para viabilizar a campanha. Ele aproveitou o espaço durante entrevista a programa da rádio Difusora Pantanal, na manhã desta segunda-feira (26) para pedir dinheiro aos ouvintes.

"Pode depositar R$ 1.064 sem burocracia", afirmou. Os interessados em apoiar a campanha e engrossar" podem fazer a doação na conta do MDB para a Eleições 2022, reforçou.  Ele citou a nova regra de arrecadação de campanha pré-eleitoral que permite depósito de até R$ 1.064,10 por CPF de apoiador, sem necessidade de qualquer burocracia.

André ainda alfinetou o atual governo do Estado, administrado por Reinaldo Azambuja (PSDB) desde 2015, quando deixou o Executivo. "Graças a Deus o Estado voltou para a letra B, como eu entreguei."

Sobre a frase que circula na cidade de que "André roubou, mas fez", ele fez questão de rebater. "Não roubei e fiz. Eu abri tudo até agora, não encontram o rabo do André porque não existe. Não tem o rouba, mas faz. Tem o fiz e não roubei", destacou.

Na autoavaliação do seu governo, Puccinelli ainda acrescentou que gostaria de ter feito mais. "Gostaria de fazer mais casas, mais estradas, atender mais famílias. Fizemos o máximo que pudemos fazer. Enfrentamos duas crises. Hoje precisamos perguntar o que a população quer", reforçou.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário