A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

04/09/2009 11:22

Reunião de André com Dilma teve reforço de Michel Temer

Redação

Audiência na manhã de ontem entre o governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli, e a ministra da Casa Civil, Dilma Roussef, teve também a presença do presidente da Câmara Federal, deputado Michel Temer.

O governador já retornou de Brasília, não divulga detalhes sobre a conversa, mas a participação de Temer indica que o tema discutido foi política.

A assessoria da Casa Civil confirma que o encontro ocorreu às 11h30 (horário do DF), 15 minutos após o marcado.

Um novo encontro deveria ocorrer às 17h30 (DF), mas por conta de uma reunião com o presidente Lula, iniciada às 15 horas, o segundo momento de discussão com Dilma não ocorreu.

A pedido da ministra, Puccinelli foi recebido no fim da tarde pela assessora Erenice Guerra, por volta das 19h30, desta vez para detalhar projetos elaborados pelo governo estadual.

André não demonstrou em sua volta a Campo Grande interesse em divulgar o que tratou com Dilma, pré-candidata à presidência em 2010.

Mas Michel Temer tem enfatizado a cobrança para cumprimento de acordo firmado com o PT de que aliança nas próximas eleições será preservada nos estados, desde que seja respeitada a candidatura de quem estiver na frente nas pesquisas de intenções de votos.

Em Mato Grosso do Sul, a aliança entre o PT e o PMDB já era considerada impossível, até a presidência convocar Puccinelli para reunião em Brasília.

No Estado, Puccinelli lidera as pesquisas divulgadas até o momento. O nome indicado pelos petistas, do ex-governador Zeca do PT, é o segundo colocado.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions