A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

21/03/2012 11:19

Sessão na Assembleia é suspensa por morte de ex-conselheiro do TCE

Fabiano Arruda e Wendell Reis
João Totó Câmara (no centro da foto) cumprimenta correligionário em reunião do PMDB. Ex-prefeito e ex-conselheiro do TCE morreu ontem à noite aos 83 anos. (Foto: Divulgação)João Totó Câmara (no centro da foto) cumprimenta correligionário em reunião do PMDB. Ex-prefeito e ex-conselheiro do TCE morreu ontem à noite aos 83 anos. (Foto: Divulgação)

A sessão desta quarta-feira na Assembleia Legislativa foi suspensa por conta da morte do ex-conselheiro do TCE (Tribunal de Contas do Estado) e ex-prefeito de Dourados, João Totó Câmara, que morreu ontem à noite em Campo Grande aos 83 anos por problemas cardíacos.

Pelo regimento da Casa de Leis, o termo correto é que a sessão foi levantada, o que significa interromper definitivamente os trabalhos. A leitura da mensagem foi feita pelo deputado estadual Maurício Picarellli (PMDB), que presidia a sessão nesta manhã.

O velório do ex-conselheiro nesta quarta ocorreu na capela São Judas Tadeu, localizada na Rua 13 de Maio na Capital. Ainda pela manhã, o corpo segue para Dourados, onde deve ser velado na Câmara do Município.

O prefeito de Dourados, Murilo Zauith (PSB), decretou três dias de luto pela morte morte. Câmara foi candidato a vice de Murilo Zauith em Dourados quando o agora prefeito tentava se eleger em 2000.

Em nota, o diretório estadual do PMDB também lamentou o falecimento. “João Totó Câmara foi um paradigma de político partidário. Construiu uma história imaculada na política e não deixou de acalentar seus ideais até o fim de sua vida”, disse Esacheu Nascimento, presidente da legenda no Estado.

Formado em Direito, Totó começou na vida pública em 1954, quando foi vereador de Dourados até 1963. Ele também foi secretário geral da Prefeitura até 1964, antes de chegar a administração do Município, de 1966 a 1969.

Em 1971 Totó foi eleito deputado federal e voltou, posteriormente, a prefeitura de Dourados, onde ficou até 1977. Em 1979 voltou a Câmara Federal, onde permaneceu até 1982. No ano de 1987 Totó foi nomeado conselheiro do TCE, onde permaneceu até a aposentadoria, em 1998.

Presidente Michel Temer deve ter alta na manhã desta sexta-feira
O presidente Michel Temer deverá ter alta hospitalar na manhã desta sexta-feira (15), informou o médico Roberto Kalil Filho, que coordena os cuidados...
Interrogatório de Lula na Operação Zelotes é marcado para fevereiro de 2018
A Justiça Federal em Brasília marcou para o dia 20 de fevereiro de 2018 os interrogatórios do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e de seu filho ...


Só posso lamentar a morte de meu primo irmão, totó. Não nos víamos há muito tempo, mas sempre guardei gratas recordações do primo e amigo. Com a morte dele, foram-se todos os filhos do português João da Câmara e da saudosa tia Rosa. Quantas saudades. Lamento não estar presente ao sepultamento, pois moro em sp e fiquei sabendo há pouco.

duglacy
 
duglacy antunes da silveira em 21/03/2012 02:48:58
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions