A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 22 de Abril de 2018

21/10/2017 12:10

Só o senador Pedro Chaves foi à Base Aérea receber Temer na Capital

Marta Ferreira
Temer é recebido no Aeroporto pelo senador Pedro Chaves. (Foto: Direto das Ruas)Temer é recebido no Aeroporto pelo senador Pedro Chaves. (Foto: Direto das Ruas)

O senador Pedro Chaves (PSC) foi a única autoridade que viajou de Campo Grande para Miranda junto com o presidente Michel Temer (PMDB), que cumpre agenda neste sábado em Miranda, município a 201 quilômetros de Campo Grande. Chaves recebeu o presidente na Base Aérea, onde Temer chegou no avião presidencial, e de lá a comitiva seguiu de helicóptero para o Refúgio Ecológico Caiman, local do compromisso presidencial.

O Campo Grande News apurou que o senador vai aproveitar a oportunidade para cobrar do presidente da liberação de emendas para Mato Grosso do Sul.

A agenda – Temer participa de evento organizado pelo Instituto SOS Pantanal, criado pelo empresário Roberto Klabin, dono do Refúgio Caiman. Está previsto, além do reforço da Carta Caiman, assinada há um ano prevendo políticas unificadas para o Pantanal em Mato Grosso e Mato Grosso do Su, está previsto o anuncio de uma espécie de Refis para multa ambientais.

Com esse Refis, a previsão é arrecadar R$ 4 bilhões de um total de R$ 12 bilhões em crédito que o governo tem. Mato Grosso do Sul terá direito a parte dos recursos e projeto para utilizar o valor, ainda não definido.

A ideia é retomar o projeto de recuperação do Rio Taquari, no Pantanal, que há décadas sofre com a degradação e o assoreamento, segundo informou o secretário Jaime Verruck, da Semagro (Secretaria Estadual de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar.



Bajulador é bajulador.
 
Critico em 21/10/2017 17:12:49
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions