ACOMPANHE-NOS    
MARÇO, DOMINGO  29    CAMPO GRANDE 29º

Direto das ruas

Viatura da Agetran sem luz de freio para sobre a faixa de pedestre

Por Edmir Conceição | 09/12/2011 11:57
Viatura da Agetran no cruzamento das ruas José Antonio e 15 de Novembro.
Viatura da Agetran no cruzamento das ruas José Antonio e 15 de Novembro.

Como o ditado popular, em casa de ferreiro o espeto é de pau, na fiscalização do trânsito em Campo Grande serve para os cidadãos comuns e não teria alcance sobre as autoridades e os próprios agentes de trânsito.

Pelo menos é o que mostra foto enviada por leitor do Campo Grande e que já ganhou as redes sociais. No dia 7, às 21h55, viatura da Agetran parou sobre a faixa de pedestre no cruzamento das ruas José Antônio e 15 de Novembro.

Veículos de emergência e de fiscalização também são obrigados a seguir normas. De acordo com o CBT (Código de Trânsito Brasileiro) estabelece que “veículos destinados a socorro de incêndio e salvamento, os de polícia, os de fiscalização e operação de trânsito e as ambulâncias” têm prioridade no trânsito e podem circular livremente.

A questão é se essa liberdade permite, por exemplo, andar em cima de calçadas, furar o sinal vermelho e andar na contramão. No caso da polícia, em atividade operacional, ninguém tem dúvida. Os carros de socorro, se necessário, podem realizar manobras, porém as ações devem ser executadas com a devida sinalização da sirene e de dispositivos luminosos.

Já em circulação normal, de deslocamento, como o flagrado pelo leitor do Campo Grande News, há duas infrações, uma de responsabilidade do poder público, pela falta de equipamento obrigatório (lanterna e luz de freio), e outra que deve ser imputada ao condutor, por não ter respeitado a linha de retenção e parar sobre a faixa de pedestre em via com sinalização semafórica.