A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

17/02/2015 11:22

Chuva ajuda a lavoura de milho, mas já atrapalha colheita da soja

No município de Dourados boa parte já colheu a soja, mas algumas lavouras ainda estão na fase de enchimento de grãos

Helio de Freitas, de Dourados
Colheitadeiras paradas em lavoura em Dourados nesta terça-feira; produtor aguarda dia de sol para retomar colheita (Foto: Eliel Oliveira)Colheitadeiras paradas em lavoura em Dourados nesta terça-feira; produtor aguarda dia de sol para retomar colheita (Foto: Eliel Oliveira)

Os agricultores de Dourados, município a 233 km de Campo Grande, se dividem entre comemorar as chuvas e torcer por uns dias de estiagem para poder concluir a colheita da soja. Chove na região há mais de uma semana e o total acumulado em fevereiro chega a 110 milímetros, conforme a estação agrometeorológica da Embrapa Agropecuária Oeste. O volume de água de 16 dias supera em 35% os 82 milímetros de chuva registrados em janeiro e já se aproxima da marca histórica de fevereiro, que é de 138mm.

Quem já colheu a soja e semeou o milho comemora as chuvas. “Ajuda e muito o milho já plantado. Essa chuva é ideal nessa fase. A chuva também é boa para quem ainda tem soja em fase de enchimento de grãos e que só vai colher em meados de março”, afirmou ao Campo Grande News o engenheiro agrônomo Bruno Tomasini.

Nesta terça-feira é possível encontrar colheitadeiras paradas nas lavouras, enquanto os produtores aguardam algumas horas de sol para retomar a colheita. Entretanto, o tempo continua nublado no município, com previsão de chuva para o período da tarde.

Levantamento da Aprosoja (Associação dos Produtores de Soja) de Mato Grosso do Sul, divulgado no início deste mês, mostrou que 27,4% das lavouras já tinham sido colhidas nas regiões sudeste e sudoeste do Estado até o dia 6, enquanto as regiões centro e norte estavam com 12,2% colhidos.

No município de Dourados a diferença nos estágios das lavouras é visível. Enquanto muitos produtores já fizeram a colheita e plantaram o milho, outros estão com a soja ainda verde. Isso ocorre porque parte dos agricultores retardou o plantio em outubro, quando o Estado enfrentou uma onda de estiagem e calor, com temperatura superando os 40 graus. Essas lavouras serão colhidas em março.

Produtores e técnicos ainda não falam em percentual de prejuízo por causa da estiagem de outubro e de janeiro, quando a chuva acumulada atingiu apenas a metade do volume histórico do mês. Na safra 2013/2014, o município de Dourados teve produção de 98 sacas de soja por hectare. Já o milho, que ocupa cerca de 130 mil hectares, com produção de 691,5 mil quilos.

Lavoura de soja ainda em fase de enchimento de grãos é favorecida pela chuva (Foto: Eliel Oliveira)Lavoura de soja ainda em fase de enchimento de grãos é favorecida pela chuva (Foto: Eliel Oliveira)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions