A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017

20/07/2014 15:13

Aplicativos conquistam os mais novos e “roubam” espaço do SMS

Lidiane Kober e Zana Zaidam
Aparelhos com aplicativos gratuitos caíram nas graças dos consumidores e viram mania (Foto: Marcelo Victor)Aparelhos com aplicativos gratuitos caíram nas graças dos consumidores e viram mania (Foto: Marcelo Victor)

Com a popularização dos smartphones, recheados de aplicativos gratuitos, o tradicional SMS virou coisa do passado e só resiste entre os que não se adaptaram ao avanço da tecnologia. O esquecimento da tradicional mensagem é tamanho que as operadoras de telefonia chegam a oferecer pacotes com milhares de SMS para tentar recuperar parte do público.

O whatsapp é o que mais “roubou” o público do SMS. O aplicativo manda mensagem, fotos e vídeos de graça. Para isso, basta ter um canal de acesso a internet. “Há seis meses estou com um celular com aplicativos e, nesse tempo, dá para contar nos dedos as vezes que mandei ou recebi SMS”, contou o mecânico Jefferson Rodrigues, de 23 anos.

Na agenda de contatos dele, 90% tem o famoso e popular whatsapp. “É muito mais prático e econômico, principalmente, quando o assunto é trabalho, quando é preciso ficar mandando um monte de mensagens para detalhar a conversa”, comentou.

Para ele, nem mesmo as megapromoções da operadoras o levarão de volta ao SMS. “Mesmo com as promoções, a gente acaba tendo que pagar, de uma forma ou de outra e, no final, nem compensa, mesmo quando a internet não funciona”, avaliou. “Prefiro esperar carregar a mensagem ou a foto, do que mandar a mensagem”, concluiu.

Há um ano com um aparelho smartphone, a professora Iris Paula Machado, de 25 anos, não costuma usar muito o celular, mas quando manda mensagem é por meio do whatsapp. “Só quando é muito urgente e estou sem o pacote de internet, uso o SMS”, afirmou.

Representante de um público menos adepto às novas tecnologias, a funcionária pública, Antonia Pereira, de 44 anos, não quer nem saber dos novos aplicativos, apesar de a mania já estar entre seus filhos. “Celular é só para ligar, receber ligação e falar o necessário”, opinou.

Ela tem um aparelho mais antigo e nem pensa em trocar. “Tenho esse celular há tanto tempo, que nem me lembro quando comprei e não vou trocá-lo por um mais moderno. Até tenho condições de comprar, meus filhos, por exemplo, passam o dia inteiro nesse whatsapp, mas eu passo longe”, reforçou.

Entre os filhos, o whatsapp é mania, mas Antonia prefere seu celular antigo (Foto: Marcelo Victor)Entre os filhos, o whatsapp é mania, mas Antonia prefere seu celular antigo (Foto: Marcelo Victor)
Jefferson nem lembra a última vez que mandou ou recebeu SMS (Foto: Marcelo Victor)Jefferson nem lembra a última vez que mandou ou recebeu SMS (Foto: Marcelo Victor)
Governo lança programa para levar internet de alta velocidade às escolas
O governo federal lançou hoje (23) a Política de Inovação Educação Conectada, programa que prevê conectividade na rede de ensino do país. A medida é ...
Temer diz que governo prepara aplicativo para oferecer serviços de autônomos
O governo federal vai lançar um aplicativo digital voltado para os microempreendedores. O anúncio foi feito pelo presidente Michel Temer hoje (9), ao...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions