A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 27 de Março de 2017

23/09/2014 15:23

Carreta sem freio atravessa rua movimentada, destrói carros e muro

Edivaldo Bitencourt e Paulo Francis
Carreta carregada com mil quilos destruiu dois veículos e muro de casa no Bairro Amambaí (Foto: Pedro Peralta)Carreta carregada com mil quilos destruiu dois veículos e muro de casa no Bairro Amambaí (Foto: Pedro Peralta)
Motocicleta ficou destruída após ser atingida pela carreta (Foto: Pedro Peralta)Motocicleta ficou destruída após ser atingida pela carreta (Foto: Pedro Peralta)
Pampa ficou totalmente destruída após ser arrastada pela carreta (Foto: Pedro Peralta)Pampa ficou totalmente destruída após ser arrastada pela carreta (Foto: Pedro Peralta)

Uma carreta, que estava estacionada, perdeu o freio, arrastou um veículo, atravessou uma das ruas mais movimentadas na região Central de Campo Grande, destruiu uma motocicleta e um automóvel e o muro de uma residência. O acidente ocorreu por volta das 14h30 de hoje na Rua Saldanha Marinho, no Bairro Amambaí.

A carreta Mercedes Benz, carregada com mil quilos de alimentos perecíveis, estava trocando bateria na Rua Saldanha Marinho, quando perdeu o freio. Amarildo Nantes, 30 anos, que fazia a troca, contou que o veículo começou a arrastar uma Fiat Strada.

Após trafegar por aproximadamente 50 metros, ele conseguiu entrar no utilitário e tirá-lo da frente da carreta quando as duas atravessavam a Rua Marechal Cândido Mariano Rondon, uma das ruas mais movimentadas a região. “Foi um susto”, contou ele. Ele até tentou usar a Estrada para parar a carreta, mas não conseguiu, já que o veículo foi sendo empurrado.

Depois de ganhar velocidade, a carreta passou por cima e destruiu totalmente a motocicleta YBR Factor, do empresário Oziel de Oliveira, 45 anos, que estava estacionada em frente sua empresa. “Só escutei o barulho, sai e vi a moto destruída”, contou.

Em seguida, o caminhão pegou uma Pampa branca, que foi arrastada até bater e destruir o muro de uma residência. O prestador de serviço Gilceno de Agueno, 50, dono do automóvel, contou que chegou e estacionou o carro, quando a carreta passou e o levou.

A Pampa ficou prensada entre a carreta e o muro, que caiu após o choque. A dona da casa, uma estudante que não quis se identificar, contou que tinha acabado de retornar da escola, onde foi levar o filho. Ela chegou e começou a lavar a área da casa, quando ouviu um barulho e viu a carreta empurrando o veículo.

“Foi uma sorte não machucar ninguém”, ressaltou a estudante. Ela contou que a região abriga duas escolas e é bastante movimentada. A mulher não soube estimar o prejuízo com o muro. Os donos da moto e da Pampa estimaram que a perda foi total em ambos os casos.

Pampa ficou prensada entre carreta e muro no Bairro Amambaí (Foto:Pedro Peralta)Pampa ficou prensada entre carreta e muro no Bairro Amambaí (Foto:Pedro Peralta)



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions