A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 22 de Agosto de 2019


03/08/2019 17:26

Pesquisa vai traçar perfil do turista de pesca em Mato Grosso do Sul

O formulário será enviado por email e pelo aplicativo WhatsApp a turistas que se intitulam pescadores amadores

Aline dos Santos
Mato Grosso do Sul terá cota zero a partir de 2020. (Foto: PMA/Divulgação)Mato Grosso do Sul terá cota zero a partir de 2020. (Foto: PMA/Divulgação)

Pesquisa vai identificar o perfil dos turistas de pesca que visitaram destinos em Mato Grosso do Sul nos últimos quatro anos. O formulário, elaborado pelo Observatório de Turismo, será enviado por email e pelo aplicativo WhatsApp a turistas que se intitulam pescadores amadores e emitiram a licença ambiental para a prática da pesca, entre 2014 e 2018.

Conforme o site de notícias do governo, o objetivo é identificar dados socioeconômicos, gastos, permanência e cidades visitadas. Com o resultado, o Observatur MS vai traçar tendências para o mercado de pesque e solte.

“O Observatório de Turismo vai levantar dados qualitativos para que possamos ser mais eficientes nas ações fomento e promoção do turismo de pesca e na diversificação da oferta turística desse segmento, que a partir de 2020 será exclusivamente de pesque e solte nos rios de Mato Grosso do Sul”, afirma o diretor-presidente da Fundtur (Fundação de Turismo de MS), Bruno Wendling.

A partir de 2020, entra em vigor o decreto da cota zero, com proibição de proibição da retirada de peixes dos rios por pescadores amadores e desportistas.

imagem transparente

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.