A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 25 de Março de 2017

28/08/2015 10:09

Educação por inteiro

Por Honório Petersen Hungria Junior (*)

Ao olhar para essa geração de pequenos internautas, sempre conectados em seus tablets, celulares e video-games, surgem as lamentações, permeadas de muita preocupação. “Na idade deles, eu estava jogando bola com os amigos”, “eu estava correndo pela rua”, dizem os pais. Ao mesmo tempo em que toda essa inserção no mundo tecnológico pode propiciar um raciocínio mais ágil, que encontra solução para tudo, tanta inércia física certamente cobrará seu preço no futuro. Obesidade e suas consequências é um desses males.

Nesse contexto, a prática esportiva no ambiente escolar ganha ainda mais importância. Além de contribuir para um melhor funcionamento do corpo e da mente, ela permite que os estudantes signifiquem e ressignifiquem sua presença no mundo, ampliando sua relação com os outros, respeitando as regras e diferenças entre si e desenvolvendo uma consciência mais crítica e política.

Pensando nestes benefícios, os Colégios Maristas entendem o esporte como parte essencial da formação integral dos alunos e promovem, a cada dois anos, a Olimar - Olimpíadas Marista, que vai reunir no início de setembro cerca de 1,3 mil alunos em Londrina, no Paraná. Durante cinco dias, os estudantes disputarão nove modalidades. Mais do que estimular a competição, no entanto, o que se pretende com um encontro dessa magnitude é incentivar a prática esportiva.

A prática do esporte ensina a conviver em grupo e respeitar regras, conhecer os limites do corpo e construir hábitos de vida saudáveis. Contribui para o desenvolvimento da concentração e da disciplina, melhorando, consequentemente, o desempenho escolar.

O esporte influencia também na formação do caráter, pois ensina o respeito. Respeito próprio e ao próximo, já que as competições permitem a compreensão do limite do corpo, da vulnerabilidade ao erro a que todos estamos sujeitos, da necessidade de dedicação para alcançar o êxito e, principalmente, da posição ora de vencedor e ora de perdedor.

Assim, dentro dos nossos colégios, criamos, além de centros de recreação e de esportes, espaços onde crianças e jovens têm a oportunidade de se encontrar e expressar seu talento criativo, porque, para nós, educar ultrapassa os limites do ensinar conteúdos e conhecimentos formais acumulados ao longo da história da humanidade.

Acreditamos que educar um aluno é iluminar sua inteligência formando seu coração; educar sua consciência fazendo-lhe amar a virtude; formar sua vontade, educando seu caráter; é cuidá-lo continuamente, ajudando-o a discernir sobre o que é certo e bom para si; inspirando-lhe o amor ao trabalho e à vontade de querer ser melhor que si mesmo; é dar-lhe os conhecimentos que lhe serão necessários em sua situação histórica e em sua condição pessoal.

Por fim, cremos que educar crianças e jovens é também ocupar-se do seu desenvolvimento físico, por meio das práticas esportivas e culturais que oferecemos, não por capricho, mas sim por convicção de que esse é o melhor modo de educar e formar bons cidadãos, para hoje e para amanhã.

(*) Honório Petersen Hungria Junior, organizador da Olimar - Olimpíada Marista, do Grupo Marista.

Falácias da terceirização
A Câmara dos Deputados aprovou, na quarta-feira, o projeto de lei que autoriza a terceirização do trabalho de forma irrestrita. Com esta aprovação, a...
Operação Carne Fraca: importância da fiscalização
“Quanto menos as pessoas souberem como são feitas as leis e as salsichas melhor elas dormirão” (Otto Von Bismarck -1815-1898). Esta frase famosa de B...
O custo da violência no trânsito brasileiro
A imprudência no trânsito mata cerca de 45 mil pessoas por ano no Brasil e deixa aproximadamente 600 mil com sequelas permanentes, conforme aponta o ...
A carne é fraca
A operação deflagrada pela Polícia Federal conhecida como “carne fraca”, trouxe à tona, mais uma vez, escândalos que abalam a confiança nos produtos ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions