ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, DOMINGO  14    CAMPO GRANDE 10º

Cidades

Adolescente de 14 anos é a 1ª morte por dengue registrada na Capital este ano

Desde janeiro, 15 municípios de MS registraram óbitos decorrentes da doença

Por Geniffer Valeriano | 15/06/2024 07:14
Recolhimento de caixa de descarga e garrafa pet, que poderiam virar criadouros do mosquito da dengue em terreno na Capital (Foto: Henrique Kawaminami/Arquivo)
Recolhimento de caixa de descarga e garrafa pet, que poderiam virar criadouros do mosquito da dengue em terreno na Capital (Foto: Henrique Kawaminami/Arquivo)

Campo Grande e Bonito registraram os primeiros casos de morte por dengue do ano. O número de óbitos ocasionados pela dengue sobe para 26 em Mato Grosso do Sul. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (14), em boletim epidemiológico.

Conforme informado na Capital, um adolescente de 14 anos teve o início dos sintomas no dia 19 de maio. A morte ocorreu no dia 7 de junho, mas a confirmação do óbito pela doença só foi realizada no dia 11. Ainda é dito que ele não tinha nenhuma comorbidade relatada.

Em Bonito, a vítima da doença foi um homem de 49 anos. Ele começou a apresentar os sintomas de dengue no dia 28 de fevereiro e morreu no dia 9 de março. Sem nenhuma comorbidade relatada, a confirmação do óbito pela doença ocorreu três meses depois, no dia 12 de junho.

A terceira vítima da semana é uma idosa de 65 anos, moradora de Ponta Porã. A mulher começou a ter os sintomas no dia 11 de maio e morreu 13 dias após. Ainda é informado que a vítima possuía diabetes e hipertensão.

Cidades - Desde janeiro, 15 municípios registraram óbitos decorrentes da doença, sendo elas: Maracaju, Chapadão do Sul, Coronel Sapucaia, Dourados, Laguna Carapã, Naviraí, Sete Quedas, Amambai, Paranhos, Ponta Porã, Mundo Novo e Aparecida do Taboado. Entre as vítimas, 11 delas possuíam algum tipo de comorbidade.

Vacinação - O boletim ainda informa que 49.509 doses de vacina foram aplicadas no público-alvo. Ao todo, Mato Grosso do Sul já recebeu do Ministério da Saúde 138.351 doses do imunizante contra a dengue. O esquema vacinal é composto por duas doses com intervalo de três meses entre as doses.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias