ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, TERÇA  02    CAMPO GRANDE 15º

Cidades

Empresas têm que cumprir exigências para continuar viagens intermunicipais

Segundo a Agepan, uma série de medidas foram impostas para as empresas durante a pandemia

Por Leonardo Rocha | 22/05/2020 13:00
Fiscalização feita pela Agepan em MS (Foto: Divulgação - Agepan)
Fiscalização feita pela Agepan em MS (Foto: Divulgação - Agepan)

As empresas que atuam no transporte intermunicipal precisam cumprir uma série de exigências, durante a pandemia de coronavírus, para continuar a prestar serviços em Mato Grosso do Sul. As regras serão fiscalizadas pela Agepan (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos).

Segundo a Agência, os veículos precisam passar por higienização nos cômodos como poltronas, janelas, cortinas, maleiros e outros itens, ao final de cada dia. O uso do ar-condicionado deve ser no modo “renovável” e quando for possível deixar as janelas abertas.

O veículo deve ter pontos de álcool em gel e os banheiros dispor de papel toalha, água corrente e sabonete líquido. Nos micro-ônibus não pode exceder a metade da capacidade de passageiros sentados, cm ocupação alternada de poltronas. Já nas linhas “semiurbanas” de trajetos curtos, de cidades próximas, a lotação deve ser a capacidade dos passageiros sentados.

Outra medida de prevenção é nos pontos de embarque, que precisam de marcações no chão para o devido distanciamento social, de um metro e meio, com local para os passageiros usarem álcool em gel. Os motoristas também devem orientar as pessoas para que evitar a circulação dentro do veículos, saindo da poltrona apenas por extrema necessidade.

Funcionários – Para evitar o contágio, os funcionários precisam usar máscaras e álcool em gel. Eles precisam passar por um treinamento sobre medidas de prevenção ao coronavírus e evitar que haja aglomeração dentro da empresa. Caso tenha algum sintoma suspeito, ele será encaminhado para atendimento médico, que vaio definir se será afastado para tratamento.