ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEXTA  30    CAMPO GRANDE 19º

Cidades

Gaeco cumpre 216 mandados contra nova formação do PCC em MS e mais 10 estados

Operação comandada pelo MP de Alagoas e objetiva desarticular facção criminosa, principalmente em MS, considerado o "estado base"

Por Silvia Frias | 28/07/2020 07:38
Grupo da PM (Polícia Militar) de Sergipe cumpre mandado na Operação Flashback contra o PCC (Foto/Divulgação)
Grupo da PM (Polícia Militar) de Sergipe cumpre mandado na Operação Flashback contra o PCC (Foto/Divulgação)

O Gaeco (Grupo Especial de Combate às Organizações Criminosas ) cumpre 216 mandados de prisão e de busca e apreensão em Mato Grosso do Sul e outros 10 estados em operação contra uma nova composição do PCC (Primeiro Comando da Capital).

Em Mato Grosso do Sul, a Operação Flashback cumpre parte dos mandados no Presídio de Segurança Máxima Jair Pereira de Carvalho, estabelecimento penal que reúne a maior parte dos integrantes do PCC no Estado.

A ação é coordenada pelo grupo do MP (Ministério Público) de Alagoas para desarticular a base do PCC, organizada em Mato Grosso do Sul. Os outros estados onde estão sendo cumpridos os mandados em Sergipe, Pernambuco, Ceará, Bahia, Paraíba, Piauí, Paraná, São Paulo e Minas Gerais.

No total, foram expedidos 216 mandados, entre eles busca, apreensão e prisão, distribuídos em 71 municípios, localizados em quatro regiões brasileiras. A região Nordeste é a que concentra o maior número de ações da operação, contabilizando sete estados e 179 mandados judiciais expedidos.

As ações em Sergipe ocorrem em Aracaju e mais cinco municípios. Foram expedidos, pelo Juízo da Comarca de Carira, 14 mandados de busca, apreensão e prisão. A operação envolve aproximadamente 60 profissionais da área da Segurança Pública.

O PCC é uma facção criminosa que comanda rebeliões, assaltos, sequestros, assassinatos e narcotráfico no país, desde 1993. Com hierarquia própria, os integrantes da facção que estão fora dos presídios obedecem a ordens dos líderes, que estão no Sistema Prisional e financiam o crime organizado.

Armas, dinheiro e droga apreendidas durante a operação, em Sergipe (Foto/Divulgação)
Armas, dinheiro e droga apreendidas durante a operação, em Sergipe (Foto/Divulgação)


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário