ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, DOMINGO  20    CAMPO GRANDE 15º

Cidades

Governo abre edital para contratar empresa para automação de tanques do Aquário

Empresa será responsável por equipamentos de filtragem da água para garantir condições adequadas aos animais

Por Silvia Frias | 15/03/2021 07:59
Serviço de impermeabilização de um dos tanques do Aquário em execução (Foto/Divulgação)
Serviço de impermeabilização de um dos tanques do Aquário em execução (Foto/Divulgação)

A Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) abriu licitação para contratação de empresa com serviço especializado para execução e automação do Aquário do Pantanal. Essa é uma das três fases finais da obra, que ainda tem outras licitações pendentes a serem finalizadas.

As empresas interessadas no serviço devem apresentar propostas no dia 19 de abril, às 8h, na sede da Agesul.

Pelo contrato, a empresa será responsável pelo sistema de automação dos aquários, de abastecimento, de geração de ozônio e de descarte de efluentes. Também será encarregada pelo monitoramento e controle, em tempo real, da operação dos equipamentos de filtragem, iluminação e parâmetros de qualidade da água, preservando as condições adequadas de vida para os animais.

O serviço de automação é uma das três fases de trabalho finais do Aquário. Inicialmente, seria feito em apenas em única licitação (automação, civil e elétrica) mas optou-se pelo desmembramento para garantir maior participação das empresas.

A fase de instalação elétrica, no entanto, está suspensa após apresentação de impugnação de empresas concorrentes no certame. A de conclusão do SSV (Sistema de Suporte à Vida), que deveria anterior a estas fases, também está em andamento, já que foi considerada deserta, ou seja, sem interessados na concorrência. O edital foi relançado no dia 11 de março.

Dezembro de 2021 foi o prazo estipulado para entrega das obras do Aquário do Pantanal. Alguns serviços previstos nos editais vão além dessa data final, mas, segundo a equipe técnica, é uma medida que pretende apenas antever possíveis intercorrências que venham a atrapalhar a execução da obra.

Ao todo a obra custará mais de R$ 200 milhões, diferente dos R$ 79 milhões que foi anunciado no início da década.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário