ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SEXTA  27    CAMPO GRANDE 21º

Cidades

Governo deve alcançar 100 mil famílias no Mais Social ainda no 1º semestre

Até agora, segundo dados do governo, o benefício mensal de R$ 300 é pago a 67 mil famílias

Por Silvia Frias | 28/01/2022 07:04
Benefício é concedido mensalmente, no valor de R$ 300. (Foto: Divulgação/Saul Schramm)
Benefício é concedido mensalmente, no valor de R$ 300. (Foto: Divulgação/Saul Schramm)

Com 67 mil famílias cadastradas, o Mais Social, programa do Governo do Estado, chegará a meta inicial de 100 mil famílias beneficiadas em Mato Grosso do Sul, ainda no primeiro semestre. A informação foi repassada pela secretária Elisa Cleia Nobre, titular da Sedhast  (Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho).

O valor do benefício mensal é de R$ 300. No programa, técnicos da Sedhast realizam visitas domiciliares e coletam dados das famílias em vulnerabilidade social inscritas no Cadastro Único (CadÚnico). Esses dados são conferidos pela equipe técnica e só assim o benefício é concedido.

Mais Social - O programa é um auxílio do governo estadual para atender as famílias em situação de vulnerabilidade social, insegurança alimentar e nutricional. O programa paga R$ 300 mensais para beneficiários que têm renda mensal familiar per capita inferior a meio salário mínimo.

Equipes da Sedhast estão realizando o contato com os beneficiários, portanto, é necessário aguardar a visita desses grupos de trabalho, que estarão devidamente identificados e respeitando as normas de biossegurança adequadas ao atual momento de pandemia.

O dinheiro, disponibilizado em forma de cartão, pode ser utilizado em qualquer estabelecimento comercial para compra de comida e de itens de higiene.

Nos siga no Google Notícias