ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, DOMINGO  21    CAMPO GRANDE 24º

Cidades

Manifestantes chegam na fronteira e fecham rua até no Paraguai

Caminhoneiros fecharam diversos trechos na região da fronteira e paraguaios já reclamam da invasão

Ana Paula Chuva, Dayene Paz e Helio de Freitas, de Dourados | 31/10/2022 13:01



A manifestação dos caminhoneiros por conta dos resultados das eleições de 2022 já chegou na fronteira de Mato Grosso do Sul com o Paraguai, inclusive com invasão do território do país vizinho. Em Pedro Juan Caballero, separada por uma rua de Ponta Porã (MS), os apoiadores do candidato derrotado Jair Bolsonaro (PL) chegaram a atear fogo em pneus.

O novo ponto de bloqueio acontece na MS-164, na saída de Antônio João para Ponta Porã, onde uma rua que fica no lado paraguaio foi interditada e os moradores do país vizinho protestam contra a invasão.

Vídeos enviados ao Campo Grande News, mostram o trecho interditado pelos caminhoneiros com pilha de pneus sendo queimada e carros tendo que passar por uma estrada paralela à rodovia, lado paraguaio da fronteira.

Nota da Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública) aponta que bloqueios acontecem também na MS-386 entre Ponta Porã e Amambai, na MS-156 entre Amambai e Caarapó, MS-289 próximo à Coronel Sapucaia, MS-306 em Chapadão do Sul e Cassilândia, MS-080 entre Corguinho e Rochedo.

No documento, a pasta afirma que o movimento é monitorado pelas Polícia Militar Rodoviária e que foi negociado com os manifestantes a liberação das passagens para carros pequenos e caminhões com cargas de medicamentos, além de tráfego de ambulâncias.

Pneus incendiados fecham a BR-262, em Terenos, na manhã desta segunda-feira. (Foto: Marcos Maluf) 
Pneus incendiados fecham a BR-262, em Terenos, na manhã desta segunda-feira. (Foto: Marcos Maluf)

PRF - Já as rodovias federais bloqueadas no Estado, de acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal) são: BR-163 em Campo Grande, Bandeirantes, São Gabriel do Oeste, Rio Verde de MT, Coxim, Dourados, Caarapó, Rio Brilhante e Sonora. Em alguns trechos há liberação para veículos pequenos e de emergência, já em outros o fechamento é total.

 Na BR-060 os manifestantes estão no km  191, em Camapuã, fechamento total, no km  368 em  Campo Grande, com passagem apenas para veículos de emergência e carga viva e no km 63 em Paraíso das Águas, também totalmente interditado.

Já na BR-158 o ponto com bloqueio está no km 04, em Cassilândia, com passagem para veículos de passeio e emergência. E na BR-267 o fechamento acontece no km 364, em Maracaju, com liberação também para carros de passeio, carga viva e emergência.  No trecho Jardim/ Bonito também há manifestantes com congestionamento ultrapassando um quilômetro.

Na BR-262 os manifestantes estão no km 383, onde a passagem esta liberada para veículos pequenos por dentro da cidade. Equipes da PRF estão no local. Em Anastácio a rodovia também foi fechada e pneus foram incendiados. No km 765, em Corumbá, também há interdição. O trecho de Miranda também foi fechado, mas não há detalhes.

Nos siga no Google Notícias