A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Setembro de 2019

30/08/2019 13:26

Ministério destina R$ 44 milhões a salas de vacinação, R$ 900 mil para MS

Verbas serão destinadas aos municípios com até 100 mil habitantes

Marta Ferreira
Recursos são para  melhorar conservação das vacinas, segundo Ministério. (Foto: Divulgação)Recursos são para melhorar conservação das vacinas, segundo Ministério. (Foto: Divulgação)

Municípios com até 100 mil habitantes vão receber nos próximos meses R$ 44,2 milhões do Ministério da Saúde para a compra de câmaras frias a fim de ampliar a estrutura de armazenamento de vacinas. Do total, estão previstos R$ 900 mil para Mato Grosso do Sul.

Os municípios não foram divulgados. Segundo o Ministério divulgou, a liberação dos recursos foi acertada durante reunião da Comissão Intergestores Tripartite, realizada esta semana em Brasília.

“Entre as vantagens da câmara fria estão o controle real da temperatura e sua distribuição homogênea, o processamento dos dados que permite acompanhar qualquer alteração no equipamento e ainda a disponibilização de bateria, caso ocorra queda de energia”, disse o diretor do Departamento de Imunização e Doenças Transmissíveis, Julio Croda.

Segundo ele, com isso, é possível garantir a qualidade e a eficácia da vacina aplicada na população, além de evitar a perda desses insumos por conta das variações de temperatura.

Além do critério do número de habitantes, o município precisa ter implantado o sistema de informação nominal do Programa Nacional de Imunizações e não dispor de uma câmara refrigerada.

O dinheiro será liberado em parcela única, pelo Fundo Nacional de Saúde aos Fundos de Saúde dos Estados, do Distrito Federal e/ou Municipais. Os procedimentos e critérios para o repasse dos recursos financeiros serão divulgados em portaria que o ministério promete publicar em breve.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions