ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  22    CAMPO GRANDE 31º

Cidades

Presidente do TJMS assina afastamento de Divoncir e nomeia substituto

Portaria assinada pelo desembargador Sérgio Fernandes Martins oficializa desligamento preventivo

Por Gabriela Couto | 08/02/2024 19:11
Fachada do prédio do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, no Parque dos Poderes (Foto: Antônio Bispo)
Fachada do prédio do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, no Parque dos Poderes (Foto: Antônio Bispo)

Foi publicada no Diário da Justiça a portaria assinada pelo presidente do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), desembargador Sérgio Fernandes Martins, afastando preventivamente o desembargador Divoncir Schreiner Maran. O documento já está disponível no site do Judiciário.

Conforme a justificativa, o afastamento cumpre à decisão proferida pela ministra do STJ (Superior Tribunal de Justiça), Maria Isabel Gallotti. A medida vale a partir da data desta quinta-feira (8), dia da Operação Tiradentes em que o desembargador foi alvo.

O presidente do Judiciário também nomeou o juiz de direito substituto em segundo grau, doutor Waldir Marques, para atuar no acervo processual do gabinete de Divoncir, junto à 1ª Câmara Cível e 1ª Seção Cível, a partir de hoje até ulterior deliberação.

Apesar de haver outros servidores envolvidos na operação, não houve o afastamento deles oficialmente no diário.

O processo começou depois de reportagem do Campo Grande News, em 2020, que revelou o possível favorecimento para sentença que estabeleceu prisão domiciliar ao megatraficante Gerson Palermo. Depois da decisão de Divoncir, ele desapareceu, apesar da condenação de 129 anos.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias