A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

22/10/2014 18:19

CCR assume “integralmente” atendimento de acidentes na BR-163

Michel Faustino
A empresa possui 17 viaturas de atendimento, sendo 12 para atendimento médico básico, e cinco viaturas de suporte avançado. (Foto: Marcos Ermínio)A empresa possui 17 viaturas de atendimento, sendo 12 para atendimento médico básico, e cinco viaturas de suporte avançado. (Foto: Marcos Ermínio)

Após reunião realizada nesta quarta-feira (22), entre representantes da CCR MS Vias, concessionária responsável pela privatização da BR-163 em Mato Grosso do Sul, e o coordenador do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) de Campo Grande, José Eduardo Cury, ficou definido que a partir de hoje a empresa assumirá “integralmente” os atendimentos dos acidentes ocorridos na rodovia.

De acordo com o gestor de atendimentos da empresa, Fausto Camilotti, somente a regulação dos atendimentos realizados na região da Capital será feita pelo SAMU. Conforme Fausto, será utilizada a “estrutura” do SAMU para definir em qual unidade de atendimento hospitalar a suposta vitima será encaminhada.

“O SAMU irá nos auxiliar nos atendimento que serão feitos próximos a Capital, na questão da regulação das vagas. Iremos trabalhar em conjunto para determinar em qual unidade tem vaga e que a vitima poderá ser atendida”, disse.

Segundo Fausto, já nos municípios do extremo Norte e Sul do Estado, a própria empresa fará regulação dos atendimentos. “Nos outros municípios nós mesmos que iremos definir em qual unidade vamos encaminhar a vitima. Tudo isso com contato prévio feito pela empresa”, diz.

Conforme o gestor, a empresa possui 17 viaturas de atendimento, sendo 12 para atendimento médico básico, e cinco viaturas de suporte avançado. Segundo ele, a equipe de resgate conta com 35 médicos socorristas e 35 enfermeiros.

Serviço de Atendimento ao Usuário – De acordo com Fausti Camilotti, o sal (Serviço de Atendimento ao Usuário) conta com 17 bases operacionais, que começaram a funcionar no dia 11 de outubro.

Conforme Camilotti, desde o dia 11, já foram atendidos pela empresa 26 acidentes com vitimas. Segundo ele, ao todo estão credenciados junto a empresa 19 hospitais em todo o Estado para receber as vitimas.

O usuário pode ligar para a CCR MS Via pelo disque do SAU: 0800-648-0163.

Mega-Sena acumula de novo e prêmio estimado sobe para R$ 43,5 milhões
Mais uma vez a Mega-Sena ficou sem vencedor na faixa principal e, com isso, a premiação acumulou e pode chegar a R$ 43,5 milhões no próximo concurso,...
Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions