A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

29/10/2013 10:42

"Onda" de furtos de moto faz uma vítima por dia no entorno de shopping

Aliny Mary Dias
Roubos e furtos acontecem nos fundos e na lateral do Shopping Norte Sul Plaza (Foto: Cleber Gellio)Roubos e furtos acontecem nos fundos e na lateral do Shopping Norte Sul Plaza (Foto: Cleber Gellio)

Nas contas dos moradores, mais de 30 motos foram furtadas só este mês nas proximidades do Shopping Norte Sul Plaza em Campo Grande. Para quem trabalha no local e precisa deixar os veículos nas proximidades ou para quem estaciona na rua, a sensação é de insegurança e revolta.

Um dos casos recentes ocorreu no último sábado (26) quando uma Honda Titan preta do auxiliar administrativo João Oliveira, 30 anos, foi levada da Rua Japão, nos fundos do shopping. O que mais chama a atenção é a rapidez dos criminosos.

“Em 15 minutos levaram minha moto, eu parei para buscar minha namorada que trabalha no shopping e quando voltei a moto não estava mais lá”, conta o jovem. Diante do furto, João procurou a Polícia Civil, registrou a ocorrência, mas até agora não teve notícias do veículo comprado há 10 anos.

Sem a moto usada para ir ao trabalho todos os dias, o trabalhador, que vive no bairro Aero Rancho, teve de recorrer à bicicleta para ir trabalhar. “Meu trabalho fica a 14 quilômetros da minha casa e eu pedalo 45 minutos para chegar, ainda tenho esperanças que minha moto seja recuperada, mas se não for, vou ter que comprar outra”, desabafa João.

O desespero em relação ao furto é tão grande que João oferece até recompensa de R$ 500 para quem encontrar a moto 125 cc ano 2003/2004.

Além dos que deixam os veículos durante poucos minutos para ir ao centro comercial, há aqueles que trabalham no local e convivem com a preocupação de encerrar o expediente e voltar para a casa a pé.

Um dos funcionários do Fort Atacadista, que pediu para não ser identificado, conta que nos últimos três meses houve um aumento significativo nos roubos e furtos a carros e motos que ficam estacionados ao redor do shopping.

Funcionário de mercado é testemunha da criminalidade da região (Foto: Cleber Gellio)Funcionário de mercado é testemunha da criminalidade da região (Foto: Cleber Gellio)

O próprio funcionário testemunhou um dos crimes. “Eu estava saindo do trabalho e vi dois homens abrindo a porta de um carro, quando eles me viram, saíram correndo, entraram em outro carro e fugiram. Isso é muito comum por aqui”, explica.

O homem conta que além das motos, alvos fáceis para os bandidos, os pertences que ficam dentro dos carros se tornaram os preferidos dos criminosos. “Eles tiram a borracha do vidro traseiro, empurram, e levam o que quiserem. Muitos funcionários chegam aqui e tiram tudo de dentro do carro porque esperam o pior”, desabafa.

Para tentar reduzir os riscos de quem trabalho no Fort, os próprios funcionários que possuem carro se uniram e “encontraram” um espaço para deixar os veículos durante o expediente. Para as motos, há um estacionamento interno do supermercado.

Falta policiamento – Quem passa boa parte do dia em frente ao local já conhecido pelos furtos e roubos é testemunha da criminalidade recorrente. Um dos mototaxistas que trabalha no ponto localizado ao lado do shopping e que pediu para não ser identificado não economiza nas críticas ao local.

“Não vemos uma viatura da polícia passar por aqui durante todo o dia. Pedimos um policiamento ostensivo para que esses marginais parem de agir”, diz.

O mototaxista afirma ainda que homens que trabalham como cuidadores de carros na região recebem dinheiro de assaltantes para fazer “vista grossa” e permitir os roubos. “A gente vê eles recebendo dinheiro e indo até as bocas de fumo da região, são todos usuários de drogas e uma ação da polícia poderia trazer mais segurança para quem frequenta o shopping”, completa.

O Campo Grande News entrou em contato com a assessoria da Polícia Militar para informações sobre o policiamento na região, mas não obteve retorno até o fechamento desta reportagem.

MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
Presos da penitenciária federal da Capital são julgados por crime em RN
Um preso custodiado no presídio federal de Campo Grande foi julgado, ao lado de outros três homens, na quinta-feira (14) e nessa sexta-feira (15) por...
Governo Federal reduz período do horário de verão para 2018/19
O presidente Michel Temer assinou hoje (15) um decreto reduzindo em duas semanas o horário de verão em 2018. No ano que vem, a medida começará a vale...
Inscrições para o Vestibular 2018 da UFMS seguem abertas
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...


Moro no Coahafama e esta demais as visitas dos bandidinhos, todo dia temos um caso novo. Faço parte da presidencia do centro Comunitario e já enviamos oficio a PM oferecendo nossa área para que seja montado um posto policial, ouve interesse da parte do comandante da polia, mas infelizmente estamos dependendo da assinatura do nosso Governador.
 
Aline Figueredo em 29/10/2013 16:42:08
Só fui uma vez quando inaugurou esse shopping, o estacionamento estava muito apertado quase não consegui sair, mas parece que estão ampliando, quem sabe com um pequeno valor pago no estacionamento e pagando seguranças,acaba com a festa desses ladrões.
 
Teresa Moura em 29/10/2013 16:17:21
Acontece que o Shoping citado não tem um estacionamento adequado para o fluxo de motos de campo grande, ainda mais nos finais de semana e feriado já cheguei a ficar 15 minutos na fila do lado de fora á espera de uma vaga.
 
Karen Martins em 29/10/2013 15:31:39
Não é só ao redor do shopping, não. Nem somente carros e motos, nessa região, pedestres também são assaltados diariamente.
 
Katia Guilherme em 29/10/2013 14:50:57
ENTÃO, E DEPOIS A POLICIA FALA QUE TRABALHA, O CIGCOE VIROU TROPA DE ELITE, A POLICIA MILITAR RECEBEU NOVAS VIATURAS, O PESSOAL DO DETRAN TRABALHA PARA DESAFOGAR O TRANSITO NA CIDADE, FALAM FALAM FALAM, MAS NADA É VISTO PELA POPULAÇÃO, PARA FALAR ELES SÃO BONS MAS NA HORA DA PRÁTICA NINGUEM FAZ NADA, O SHOPPING DEVE TER CAMERAS NO LADO DE FORA, ASSIM COMO O FORT TAMBEM DEVE TER, É PARA A SEGURANÇA DELES, É SÓ PEGAR AS IMAGENS E COMEÇAR A CAÇAR OS BELEZA, MAS PRA ISSO A POLICIA VAI TER QUE LEVANTAR DO SOFÁ. CADE SEGURANÇA DESSA CIDADE, JÁ NÃO BASTA O EXEMPLO DO GOVERNO FEDERAL NO CONFRONTO ENTRE INDIOS E TRABALHADORES? NINGUEM VAI FAZER ABSOLUTAMENTE NADA MESMO? VAMOS PARAR DE PAGAR IMPOSTO!
 
MAXIMILIANO NAHAS em 29/10/2013 14:50:03
A ONDA DE ROUBOS EM CAMPO GRANDE MS, É A FALTA DE POLICIAIS, OSTENSIVAMENTE NAS RUAS, VIATURAS EM PONTOS ESTRATÉGICOS, NOS TERMINAIS, AVENIDA DE MOVIMENTOS, ASSOCIAÇÕES, TRAFEGANDO E ABORDANDO, VEÍCULOS, PESSOAS DE MOTOS, BICICLETAS, A ATÉ A PÉ, COISA QUE NÃO SE VER, EM CAMPO GRANDE, QUANDO A POLÍCIAS ESTIVER REALMENTE NAS RUAS, OS BANDIDOS, FOGEM, COBRANÇA AO SENHOR GOVERNADOR, COMANDANTE GERAL DESTE ESTADO.
 
PEDRO BRAGA em 29/10/2013 14:46:41
meu nome e karol nantes moro quase em frente ao shopping primeiramente não podemos estacionar a moto em frente e nem atrás do shopping pois e proibido tem ate o meio fio e amarelo mas ninguém respeita e outra essepovo sabe como e essa regiao não so la mas em campo grande inteiro e assim....se vc não quer que seu veiculo seja roubado então pague o estacionamento......eu so acho........
 
karol nantes em 29/10/2013 14:41:17
Sr. Alex, nem todas as pessoas tem dinheiro todos os dias. O poder público tem que zelar pela segurança em qualquer situação.
 
João Cunha em 29/10/2013 14:33:01
Moro a 500m da entrada dos fundos desse shopping, realmente a região está tomada por "bandidinhos zuqueiros", roubam motos, carros e até assaltam. A área é bem localizada, porém, a criminalidade tomou conta. Recentemente tentaram roubar um carro na frente de casa durante o dia, existe relatos de furtos as residências ao entorno do shopping e tentativas até de sequestro. Sair de casa para ir ao shopping ou até mesmo caminhar na "Via Morena" é bem perigoso. Infelizmente a criminalida está generalizada, não dá para ficar trancada dentro de casa e não ter vida social, o perigo está em todo lugar. Cabe ao cidadão se prevenir, mas principalmente ao poder público - rondas, policiamento, iluminação pública, câmeras de segurança, podem prevenir e diminui a bandidagem + segurança a população.
 
Karol Assis em 29/10/2013 14:06:59
Estamos sozinhos e desamparados...
 
Rodrigo Adania em 29/10/2013 13:26:34
Pedir informações sobre policiamento???? Pra quê???? Será que vcs pensam que essa quantidade de roubos é porque tem policial de expectador?
 
elio santos em 29/10/2013 13:25:15
Não estou julgando o certo ou o errado, mas se estacionassem dentro do shoping e a moto fosse roubada caberia indemnização e pagando um monte delas com certeza o shoping acionaria as autoridades para um melhor policiamento na área. As vezes o barato sai caro
 
Alex andré de souza em 29/10/2013 12:13:25
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions