A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

27/08/2013 10:47

A três dias do fim da campanha, Capital vacinou menos de 2 mil crianças

Luciana Brazil
Secretário durante abertura da campanha na UBS da Vila carlota. (Foto:Marcos Ermínio)Secretário durante abertura da campanha na UBS da Vila carlota. (Foto:Marcos Ermínio)

Desde sábado (24), quando teve início em todo Estado a campanha de multivacinação, 1,6 mil crianças de 1 a 4 anos foram imunizadas em Campo Grande até a manhã desta terça-feira (27), de acordo com o banco de dados do SUS (Sistema Único de Saúde). O número é bem inferior a meta estipulada pelo secretário Municipal de Saúde, Ivandro Fonseca, de vacinar 40 mil crianças. A Capital tem 61 mil pequenos na faixa etária entre 1 a 4 anos, segundo o secretário.

No lançamento da campanha, Ivandro disse que a intenção era bater a média histórica da Capital. Porém, a três dias do fim da vacinação, menos de duas mil crianças compareceram aos postos.

Apesar da expectativa do secretário, a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) informou, por meio da assessoria de imprensa que não é possível estipular meta de vacinação, já que não há informações de quantas crianças estão com a carteira desatualizada.

Também de acordo com dados do SUS, 18 mil crianças já foram vacinadas neste ano em todo Estado. No ano passado, a campanha de multivacinação imunizou 51 mil crianças em Mato Grosso do Sul e cerca de 12 mil em Campo Grande. 

São 18 tipos de vacinas ofertadas nesta campanha, que imunizam contra até 90% das doenças que mais incidem na faixa etária. A campanha segue até a próxima sexta-feira (30), nas Unidades de Pronto Atendimento (UPA), Unidades Básicas de Saúde (UBS) e nos Centros de Referência em Saúde (CRS), totalizando 62 pontos de vacinação.

O evento oficial foi realizado na UBS Doutor Astrogildo Carmona, Vila Carlota, com a presença do prefeito Alcides Bernal (PP).



Isso é irresponsabilidade dos pais, quando seus filhos vierem a sofrer no futuro por falta de terem sido vacinados no tempo correto, saibam que a culpa é 100% dos seus pais.
 
MAXIMILIANO RODRIGO ANTONIO NAHAS em 27/08/2013 11:00:14
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions