A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

19/11/2013 14:07

Acusado de dirigir bêbado e matar policial diz que “foi fatalidade”

Edivaldo Bitencourt e Helton Verão
Ao lado da mulher, Edson compareceu ao Fórum para ser ouvido por juiz (Foto: Helton Verão)Ao lado da mulher, Edson compareceu ao Fórum para ser ouvido por juiz (Foto: Helton Verão)

O motorista da Ford Ranger, Edson Moreira, 40 anos, que estava bêbado quando causou o acidente e a morte do policial militar Gilliard Félix da Silva, 31, negou qualquer irregularidade na ocorrência. “Foi uma fatalidade”, comentou, na tarde desta terça-feira (19), antes de prestar depoimento na 2ª Vara Criminal de Campo Grande.

Conforme a Polícia, na madrugada do dia 25 de março deste ano, Moreira dirigia a caminhonete, que colidiu com a Saveiro, conduzida pelo soldado da PM. O policial ficou preso nas ferragens e o teste do bafômetro confirmou a embriaguez ao apontar 1,04 mg/l. Gilliard ficou internado e morreu no dia 4 de abril.

Na tarde de hoje, o motorista não relacionou o acidente a bebida. Apesar de ter admitido a ingestão de uisque e cerveja até à 0h30min daquele dia, ele argumentou que a caminhonete estava com problemas mecânicos no dia da tragédia e voltava de Bandeirantes.

“Foi uma fatalidade”, comentou, ao lado da esposa e de um vizinho que o acompanhavam na audiência sobre o crime. Ele explicou que foi fazer um retorno na BR-163, na saída para Cuiabá, perto de um posto desativado, quando causou a colisão.

Moreira disse que a divulgação da sua imagem como “bandido” está manchando a sua carreira na área da construção civil.

A tragédia – Gilliard morreu aos 31 anos de idade e deixou a mãe, a doméstica Maria de Fátima da Silva, 42, a filha Eduarda, de um ano e sete meses, e o afilhado Kaiky, 7, que o considerava como pai.

Segundo a irmã, a jornalista Aline Peixoto Lira, 24, ele tinha o sonho de investir na carreira de policial militar. “Ele era apaixonado pelo trabalho, tinha muito prazer em ajudar as pessoas”, afirmou. O jovem também almeja comprar um terreno e construir uma casa “do seu jeito”. “Ele morreu e deixou os sonhos pela metade”, comentou a mãe.



SENHORES NÃO É ESPANTOSO TAL SITUAÇÃO DE USAR A MÍDIA A FAVOR DESSE ILUMINADO PRA NÃO FALAR OUTRA COISA, HAJA VISTA QUE ELA NÃO FALOU DO OUTRO HOMICIDIO PRATICADO NO ESTADO DO PARANÁ, ONDE O MESMO CIDADÃO INTITULADO INOCENTE NO HOMICIDIO DO SD PM FELLIX, ERA FUGITIVO DA JUSTIÇA DO PARANÁ A MUITOS ANOS CONTA AI COMO FOI V.................AGORA FICA PAGANDO DE SANTINHO E O QUE MAIS ME SURPREENDE SÃO AS LACUNAS DA LEI PENAL, POSTO QUE O MESMO ENQUANTO ESTAVA PRESO FOI ARBITTRADA FIANÇA DE 6 SALARIOS MINIMOS AO MESO ELE ALEGOU QUE NÃO TERIA CONDIÇOES DE PAGAR , NA 2ª SITUAÇÃO FOI ARBITRADA UMA NOVA FIANÇA DE 3 SALARIOS MINIMOS E O MAIS SURPREENDENTE É QUE O DEFENSOR PÚBLICO ALEGOU PERSEGUIÇÃO DA JUIZA QUE MANTEVE O ILUMINADO NA CONDIÇÃO DE PRESO,RESUMO É UMA SERIE DE ERROS.
 
JOSÉ LAURENTINO em 20/11/2013 22:56:40
Maria Teresa vai prevalecer a justiça de Deus, pois a nossa é tão falha quanto seu pensamento mesquinho!!!!! vc acha que foi culpa do PM ser morto por um bêbado ao volante, e se fosse um filho seu???????
 
Jorge Pantaneiro em 20/11/2013 08:24:44
Quando começarem a fazer justiça com as próprias mãos a justiça mudar essa posição que esse assassino muitos outros que bebem para matar.Pois ele já poderia ter matados outros pais de família desde a saída de bandeirantes até Campo Grande ou seja ele sabia o que estava fazendo.A JUSTIÇA TEM QUE FREAR ESSES CRIMINOSOS COM O RIGOR DA LEI,OU O POVO VAI QUERER FAZER COMO ANTIGAMENTE OLHO POR OLHO E DENTE POR DENTE,MATOU MORRE,E NÃO É ISSO QUE QUEREMOS.JÁ ESTÁ NA HORA DE TERMOS TAMBÉM UMA DELEGACIA E UM JUIZADO ESPECIFICO EM TRÂNSITO.AGORA C.NEWS PROCURE OS FAMILIARES VITIMAS FAÇAM REPORTAGEM E MOSTRE AOS JUÍZES COMO FICA A FAMÍLIA SEM AQUELE QUE LEVA O SUSTENTO E AMOR PARA DENTRO DE CASA,PARA QUE PUNIÇÃO SEJA SEVERA PARA ESSES MARGINAIS DO VOLANTE QUE USAM O CARRO COMO ARMA PARA MATAR.
 
LUIZ CARLOS SANTOS MESSIAS em 20/11/2013 07:47:20
covarde!!mesmo com aquela estrada larga,enorme! até o retorno é GIGANTE! AINDA INVADE A PISTA!se vc bebe e dirige sabe que vai matar ou morrer...pq fugiu? deixou o Félix sofrendo sozinho.....belo homem vc é!fugiu qd deveria socorrer e agora precisa até da presença da mulher para depor!! sua sorte foi que ele dirigia uma SAVEIRO,,,,pq se tivesse vendido meu OPALA AO FÉLIX COMO ELE QUERIA, HJ VC TAMBÉM NÃO TAVA VIVO!
 
Cristina Ribeiro em 20/11/2013 00:21:57
MOREIRA JÁ PERDEU SEU PAI EM UM ACIDENTE, SUA MULHER PERDEU DOIS SOBRINHOS ESTE ANO TAMBÉM EM ACIDENTE E NOS ESTAMOS BUSCANDO FORÇAS PARA PASSAR POR ESSE MOMENTO DIFÍCIL. ELE FICOU NO LOCAL ATE A CHEGADA DA POLICIA MILITAR E DA POLICIA RODOVIÁRIA, A JUSTIÇA ESTA SENDO FEITA E NADA FOI DETERMINADO AINDA. TODOS QUE ESTÃO COMENTANDO QUE ELE É BANDIDO NÃO O CONHECEM, POIS O LAUDO DA PERÍCIA FOI FEITO E ACREDITAMOS NA JUSTIÇA.
 
João Eduardo Lopes em 19/11/2013 23:16:33
Não desejo vingança, nem tão pouco a desgraça para essa camarada. Mas apenas que a justiça seja feita em sua plenitude. Fernando - ST PM
 
Fernando Silva em 19/11/2013 21:22:12
Você seu Edsom teve sorte, está reclamando não sei do que, nos do interior num coso desse tomamos duas medidas, ou entregamos na mão de DEUS, ou resolvemos na hora.
 
jorge ferreira em 19/11/2013 21:09:34
O individuo não sabe o significado de fatalidade; fatalidade é algo inesperado e não procurado. No caso dele ele procurou até achar uma vítima saindo na rodovia ultrapassando todos os limites do bom senso da lei, e das regras coletivas. É uma verdadeira inversão de valores, ao dizer que sua carreira de construtor está sendo manchada. Deveria ter pensado antes no que fez. O que ele manchou foi uma familia a qual está com certeza desamparada e infeliz.
meu caro...ore muito para que DEUS tenha misericórdia....
 
Cleide Faccenda em 19/11/2013 20:53:06
Fácil dizer que a morte de outrem é fatalidade... Já perdestes alguém jovem, com sonhos, com uma vida pela frente? Fa-ta-li-da-de.... é brincadeira.... e reclamar q sua imagem está manchada, ora ... cale-se e assuma a besteira que fez. Recolha-se ao teu erro e assuma o que fez.
 
Andréa Oliver em 19/11/2013 20:28:10
Tu quer o que? ser chamado "apenas" de irresponsável? ora bolas, tu dirige com problema mecânico no carro e de seu conhecimento; enche a cara de cerveja e whiski e pega a estrada de uma cidade vizinha à capital; transporta tua esposa e talvez outros familiares, IRRESPONSABILIDADE APENAS? Não! tu cometeste vários delitos e crime sim. Tua negligência tirou a vida de um trabalhador, pai de familia, honesto, querido, e os entes desta vítima ficaram com a dor eterna. Tu já deve estar tomando suas cangibrinas por aí e pondo em risco a vida de outras pessoas. Meus sentimentos à familia do policial.
Com respeito. Cel PM RR Nabuco.
 
Erudilho Nabuco em 19/11/2013 18:11:09
Igual a esse assassino aqui em campo grande ta cheio, babacas de caminhoneta, achando que o tal, matando e destruindo familias, enchendo a cara na hora sao os bons os bravao, agora tai de coitadinho...Seja homem
 
daniel afonso em 19/11/2013 17:45:39
Infelizmente quem perde é a família... Há 12 anos atrás meu irmão faleceu vítima de acidente de trânsito, indo para o trabalho, deixando irmãos, sobrinhos, uma mãe já idosa e até hoje nada foi feito... A "motorista", que na época não tinha habilitação, hoje dirigi pelas ruas de Campo Grande, como se nada tivesse acontecido.... Acidente pode ser sim uma fatalidade, mais o pior de tudo isso, é a sensação de impotência, de falta de uma justiça mais severa para esses condutores irresponsáveis... Enquanto isso inocentes vão morrendo.
 
Valdineia Viana da Silva em 19/11/2013 17:02:59
"UMA FATALIDADE"? ... Percebo que esse cidadão não conhece nem de perto o significado de fatalidade. - Fatalidade: s.f. Destino inevitável: a fatalidade opõe-se à liberdade. Meu caro Edson Moreira, ingerir bebida alcoólica e assumir a direção de um automóvel não se encaixa a um destino inevitável, e sim a um destino inerente. Colidir de frente com outro veiculo, fugir do local, não prestar qualquer assistência, isso não é ser "BANDIDO", então me diga oque seria?. Ver sua sobrinha ainda bebê olhando fotos e chamando pelo pai, receber ligações dela achando que esta falando com ele, doi a alma. Homens de bem não fogem, não mentem e muito menos tentam ludibriar a justiça. Não tenho ódio de vc e sim PENA, pois sei que nada trará meu irmão novamente para a filha. Agora "ASSASSINO" vc sempre será
 
Elvis Hoffner em 19/11/2013 16:51:46
Se sua imagem está sendo manchada profissionalmente, a culpa é toda sua. Agora não me venha fala em fatalidade, pois fatalidade é algo que ocorre quando não esperamos e nos encontramos com nossas faculdades em dia. O senhor estava bêbado e saiu por aí dirigindo, colocando a vida dos em risco, e a sua também. Agora meu senhor é hora de ser homem com 'H", e assumir o erro que terminou com a vida de uma família, pois um pai e uma mãe perderam um bom filho e duas crianças perderam um bom pai, e senhor vem falar "FATALIDADE". Me desculpa, mas espero a justiça lhe julgue de acordo com quem mata uma pessoa em qualquer outra circunstância e vai parar na cadeia, caso contrário o senhor irá sem dúvida nenhuma beber de novo, dirigir e colocar a vida de outras pessoas em risco novamente.
Luis
 
Luis Carlos Espíndola em 19/11/2013 16:51:16
Ele considera uma fatalidade, porque não foi um filho dele ou outro parente. Muito fácil agora ficar se fazendo de vitima, fala isso para os filhos do PM que não vão mais poder contar com a presença do pai.
 
Camen Silva em 19/11/2013 16:34:37
...imagina só, um civil contra um policial militar...qual a justiça que vai prevalencer????
 
Maria teresa e souza em 19/11/2013 16:24:46
engraçado, se fosso o contrario, a família desse bandido estava só esperando as investigações terminarem e processar o Estado para ganhar indenização. E o policial estava expulso das fileiras da PM.
 
Sérgio Marques de Alencar em 19/11/2013 16:15:14
esse posto é o arara azul e não está desativado e o mesmo é 24H. e mesmo se estivesse desativado não é desculpa para fazer manobras arriscadas e colocar em risco a vida de pessoas inocentes, ainda mais policia militar do qual sua função é proteger e ajudar os cidadãos.
 
Jhony Felipe em 19/11/2013 16:01:47
No minimo criminoso e tem que pagar pelo que fez
 
vanderlei turisco em 19/11/2013 15:05:14
Moreira disse que a divulgação da sua imagem como “bandido” está manchando a sua carreira na área da construção civil.
Mancha de sangue, do Giliard. Pena que a justiça não considera policiais como gente.
 
Luis Paulo de Oliveira Santos em 19/11/2013 15:04:13
Fez a besteira no transito, e agora não tem culpa de nada??
Como ele mesmo falou, o carro estava com problema mecânico e ainda por cima fez uma viaje de bandeirantes a campo grande e ainda fez um retorno errado, e não tem culpa de nada? hj em dia tirar a vida de uma pessoa esta cada vez normal né Sr. Edson, parabéns para vc.
 
Cesar Augusto em 19/11/2013 14:24:19
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions