A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2018

15/07/2008 14:23

Adiado pela 3ª vez júri de acusado de matar radialista

Redação

A Justiça adiou pela terceira vez o júri popular de Cléiton Segóvia, um dos envolvidos no assassinato do radialista Samuel Roman, ocorrido em abril de 2004 no município de Coronel Sapucaia, distante 396 quilômetros de Campo Grande.

O julgamento que estava marcado para 23 deste mês foi novamente adiado porque a perícia ainda não concluiu a análise de uma fita onde consta o depoimento do réu.

O júri estava inicialmente marcado para abril, depois foi transferido para maio e em seguida para julho. Ainda não há uma nova data.

O crime ocorreu no início da noite do dia 20 abril de 2004, na Avenida Flávio Derzi, em Coronel Sapucaia, porque o jornalista fazia denúncias de irregularidades na administração pública e enriquecimento ilícito.

O ex-prefeito de Coronel Sapucaia, Eurico Mariano, foi julgado e condenado por ser considerado mandante do assassinato, mas continua em liberdade devido às apelações.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions