A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

13/05/2010 19:34

Adolescente chora e promete à mãe ir embora para casa

Redação

Com lágrimas nos olhos por causa de toda a situação envolvendo sua mãe em frente à Igreja Universal do Reino de Deus, o adolescente promete à Sueli Ferreira de Moura ir embora para casa. Ela permanece sentada na calçada do templo.

Há mais de sete horas acorrentada no local, ela acusa a Igreja Universal de ter feito lavagem cerebral e explorado o jovem, impedindo que ele tenha uma vida normal. A mãe disse que nunca pediu para o jovem sair da igreja, mas que não vivesse sendo explorado, dando tudo o que era dele e da família para pastores.

Informada de que o filho talvez fosse encaminhado ao Conselho Tutelar, Sueli ficou desesperada e clamou por uma advogado em frente à igreja. Horas depois, dois funcionários do serviço de acolhimento da SAS (Secretaria Municipal de Assistência Social) chegaram ao local, não quiseram se identificar, e tentaram convencer o adolescente a ir para um abrigo passar a noite e jantar.

Aos gritos, Sueli contestou a ação, afirmando que os profissionais estavam ali para induzir seu filho a ir para um abrigo de mendigos. Bastante abalado com o estado emocional da mãe, o jovem prometeu ir para casa, mas demonstrou muita preocupação com Sueli.

O adolescente foi embora para casa na Kombi da SAS, com a promessa de que chegaria ao destino onde mora com a mãe. Agora, uma psicóloga está no local conversando com Sueli.

Funcionários e obreiros da Universal não se manifestam.

Uma amiga de Sueli se dirigiu até a casa dela para constatar se o adolescente realmente foi levado para o local.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions