A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

28/03/2011 20:12

Advogados vão ao MPF contra lista para TRT que privilegiou candidatos

Jorge Almoas

Um grupo de advogados protocolou nesta segunda-feira uma representação no Ministério Público Federal contra a formação de lista sêxtupla para a vaga aberta no TRT (Tribunal Regional do Trabalho). A formação foi realizada na OAB, no último sábado, e aconteceu em meio a polêmicas.

Em documento enviado à redação do Campo Grande News, o grupo de advogados aponta que durante a leitura dos nomes dos 24 advogados que se candidataram à vaga, o presidente da OAB-MS (Ordem dos Advogados do Brasil), Leonardo Duarte, “puxou palmas para alguns candidatos, incentivando comemoração maciça. Ou seja, uma evidente comemoração antecipada do que já estava marcado para acontecer”, diz o documento.

Além disso, o grupo afirma que a OAB/MS concedeu prazo de 48 horas para que alguns candidatos conseguissem a documentação necessária para concorrer à vaga do TRT. Pelo edital, o advogado que se dispõe ao cargo deveria se inscrever até 1º de março e comprovar de mais de 10 anos de efetiva atividade na advocacia, além de quitação de débitos com a OAB/MS.

“O que se verificou durante a sessão extraordinária, é que praticamente todos os inscritos que receberam tal tratamento privilegiado, tiveram a posteriori suas inscrições indeferidas, por não preenchimento dos requisitos legais”, afirma a representação.

Apenas Marco Antonio Ferreira Castello conseguiu se candidatar e foi incluído na lista sêxtupla elaborada pela OAB/MS. “Pode-se ressaltar o tratamento claramente diferenciado concedido a alguns disputantes à lista”, ratifica.

O grupo de advogados chama a decisão da diretoria da OAB de inconstitucional e ilegal. Veja abaixo o documento protocolado no MPF.

Lista sêxtupla da OAB para vaga no TRT se transforma em polêmica
Definida no sábado, a lista da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) com seis nomes de profissionais escolhidos para disputar uma vaga de desembargado...
OAB elege advogados para compor a lista para vaga no TRT
A OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul), sabatinou neste sábado (26), os candidatos para a vaga de desembargador do TR...
ANS regulamenta novas regras de compartilhamento para planos de saúde
A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) publicou duas resoluções normativas na tentativa de dar mais segurança e estabilidade ao mercado de pla...


Já participei de um "conclave" desses... Essa é uma forma muito injusta de escolha, pois não se privilegia o conhecimento jurídico, mas aquele que melhor for subserviente ao sistema político. Como diz o Boris Casoy... Isso é uma vergonha!...
 
Jôni Coutinho em 29/03/2011 10:15:21
Pra mim ta explicado porque estes advogados não entram na lista: despreparo total!!! Sequer conheciam os direitos deles, como querm cuidar do direito dos outros? Pelo jeito a sessão foi uma verdadeira farra e eles ficaram quietinhos...Entendi tudo! Ainda por cima eles queriam que a votação fosse secreta...brincadeira tem hora e lugar!!!!!
 
Leontina Freitas em 28/03/2011 09:53:19
Pera aí...se entendi bem, esses candidatos que estão reclamando da votação, não sabem advogar.Pois se a sessão de escolha teve tantas irregularidades e ninguém se manisfestou ou impugnou, das duas uma: Ou aceitaram tudo e se calaram, ou não entendem NADICA DE NADA em termos de direito e advocacia. Desse jeito não podiam figurar na lista mesmo, me desculpem.Procurem a faculdade de direito mais próxima! BOAS AULAS!
 
Antonio Alvarez em 28/03/2011 09:29:15
Olá Caros Colegas

A lista formada pela OAB é necessária para o equilibrio do nosso TRIBUNAL, contudo defendo que esta escolha passe pelos advogados, pois nós sabemos quem são os colegas que militam, que todos os dias estão mostrando serviço e atuando no judiciário.

A escolha democrática e correta seria feita pelos advogados e não por Conselheiros, que muitas vezes estão alinhados e podem sofrer a influencia de "terceiros".

Não questiono como foi formada a lista, mas tem muitos colegas que mereciam estar compondo a mesma.

Lembremos que o TRT da 24a. Região poderá negar a presente lista, mesmo por que a escolha da LISTA, não gerar obrigação pra este órgão de escolher 3(tres) para aprovação da Presidente.

Agora nos resta aguardar a escolha , ou a Recusa da lista.
 
Jayme de Magalhães Júnior em 28/03/2011 09:23:21
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions