A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

29/08/2009 12:28

André prevê parceria para reduzir défict habitacional

Redação

Para reduzir o déficit habitacional de Mato Grosso do Sul, o governador André Puccinelli (PMDB), lembra que depende de parcerias com as prefeituras. O pedido foi refeito hoje pela manhã, durante a solenidade de entrega das 487 casas na primeira Etapa do Residencial Ramez Tebet, em Campo Grande.

Ao todo, foram investidos R$ 7.181.000,00, dos quais R$ 2.922.000,00 são do governo Federal e R$ 4.259.000,00 da administração Estadual, conforme dados repassados pela assessoria de imprensa do governo do Estado.

Os números foram usados como munição para André Puccinelli, que rebateu as críticas dos adversários, que acusam o governador de fazer inaugurações de obras com recursos federais sem destacar de onde vem o recurso. "Estas casas servem para desmentir aqueles que ficam só falando e não mostram que os investimentos são só do governo federal", alfineta Puccinelli.

O secretário Estado de Habitação e das Cidades, Carlos Marun, enfatiza que as casas representam esforços conjunto entre três bancos, que financiaram as obras, e oito empresas, que construíram os imóveis.

Mais benefícios - O senador Valter Pereira (PMDB) se comprometeu a fazer emenda parlamentar para levar asfalto ao residencial, localizado no cruzamento das Ruas dos Topógrafos e Maria da Glória Ferreira de Souza.

Já o governador, prometeu construir uma creche para 250 crianças e uma escola na região.

Os anúncios da infraestrutura foram bem recebidos pelo prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad (PMDB). "Significam muito para a prefeitura", completa Nelsinho, que contará com mais recursos para a execução de serviços sociais no local.

Emoção - Familiares de Ramez Tebet e autoridades políticas do Estado prestigiaram o evento. Emocionada, a prefeita de Três Lagoas, e filha de Ramez, Simone Tebet, destacou a importância de uma obra como esta levar o nome do pai.

"Ele não goastaria de dar nome a um prédio público ou a uma avenida larga, com certeza. Mas dar nome a um conjunto de casas populares faria muito feliz meu pai", pontuou Simone ao lado do marido, Eduardo Rocha, da mãe, Fairte Tebet e dos irmãos Rodrigo, Ramez e Eduarda.

Para o deputado federal Waldemir Moka (PMDB), a entrega desta primeira etapa do residencial representa a realização do sonho de muitas pessoas. "Um cojunto como este traz dignidade e realiza o sonho de muitas famílias", conclui o representante da Câmara dos Deputados. O obra faz parte do Programa "MS Cidadão

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions