A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

26/09/2013 10:01

Antes de roubar lotérica, assaltantes mortos fizeram um "limpa" em clínica

Graziela Rezende
Bandidos foram mortos durante ação frustrada. Foto: Cleber GellioBandidos foram mortos durante ação frustrada. Foto: Cleber Gellio

Um dia antes de assaltar a agência lotérica do bairro Parati, há 15 dias, em Campo Grande, os bandidos fizeram um “limpa” em uma policlínica nas proximidades, levando mais de R$ 2 mil, além de alianças, telefone celulares e relógios. Segundo o delegado Fábio Peró, responsável pelas investigações, a suspeita é de que eles teriam roubado uma boate, porém a análise das imagens constatou que se tratava de outros ladrões.

“Um dia após o crime uma vítima compareceu a delegacia e nos informou do assalto na policlínica, localizada na avenida Rachel de Queiroz, bairro Aero Rancho. Ele disse que reconheceu o assaltante Willian Mercado Nunes, 24 anos, contando ainda que eles agiram da mesma maneira que na lotérica”, afirma o delegado Peró.

Conforme a vítima, William e Helton Esquiver da Cunha, 19 anos, também estavam armados com um revólver e uma pistola na ocasião. Eles entraram exigindo um cofre, porém foram informados que não havia e então fizeram um “limpa” no local. Com mais este crime, a Polícia acredita que a dupla já monitorava a região há algum tempo.

Além da dupla, que foi morta pelo sargento Evanilgo Gomes na ocasião, já que ele estava à paisana, a Polícia tinha o dono da moto como 3° suspeito. “Ele prestou depoimento e disse que não sabia que os autores cometeriam o roubo. Como é vizinho do William, o homem de 28 anos afirmou que ele pediu a moto emprestada para levar um dinheiro, ressaltando que voltaria rápido”, explica o delegado Peró.

Neste caso, sem poder confrontar o depoimento do dono da moto com os bandidos, o delegado fala que ele não foi indiciado pelo crime. “Ainda estamos aguardando os laudos das armas e o necroscópico, além de outras testemunhas que estavam na fila para prestar depoimento”, diz o delegado sobre o inquérito policial.

Assalto – Os dois bandidos chegaram a Lotérica Parati por volta das 15h40 de ontem e anunciaram o assalto. Enquanto um pegava o dinheiro nos caixas, o outro ficou vigiando sete pessoas na fila, entre as quais estava o sargento Evanildo Gomes.

O sargento esperou o momento certo e atirou no primeiro bandido. Em seguida, o outro revidou, mas foi alvejado pelo tiro certeiro do policial.

Passagens pela polícia – Peró ainda contou que William tem diversas passagens pela polícia. Entre elas, estão delitos como roubo, furto, porte e posse ilegal de arma. Só em 2013, o rapaz fugiu do presídio semiaberto, foi recapturado e solto posteriormente. Já Helton possui passagem pela polícia por porte ilegal de arma de fogo.

Dupla já monitorava local antes do crime. Foto: Cleber GellioDupla já monitorava local antes do crime. Foto: Cleber Gellio


Ewerton, eu não defendi a posição de ninguém, somente expus a visão de cada um e disse que discutir uma questão dessa em um trecho de noticiário seria muito resumido diante da complexidade de tal. Se eu colocasse toda a análise disso tudo pra você, sairia um artigo bem extenso com todos os embasamentos possíveis.
 
Jackellynne Simões em 29/09/2013 00:07:42
Pois é, Jackellynne Simões. Sou grato por termos esta visão capitalista de que você fala. A julgar pelos países que tentaram a tal "experiência socialista", creio que fizemos muito bem. Afinal o mundo não é uma utopia igualitária. E graças a isto inclusive todos que quiserem e admirarem o socialismo têm a liberdade de emigrar para um país socialista como Cuba ou Coréia do Norte (pena que os governantes destes mundos não deixam seus habitantes fazerem o caminho inverso). E, como disseram aqui, oportunidades existem, apesar de não serem iguais para todos. Se o cidadão escolheu o mundo do crime, ELE é o culpado, e não a sociedade. Pobreza não é desculpa pra cometer crimes.
 
Everton Rocha em 26/09/2013 17:47:10
Jéssica, vc foi show de bola. Parabéns! Mas não quer dizer que eu concorde com vc...rs
 
Adriana de Menezes em 26/09/2013 16:53:52
Parabéns ao sargento Evanildo Gomes pela coragem e decisão de eliminar dois indivíduos que viviam para prejudicar os cidadãos de bem que trabalham honestamente. As forças policiais tem que agir implacavelmente com os delinquentes. "Bandido Bom é Bandido Morto" . Me repugna esses pseudos defensores dos "Direitos Humanos'. Gostaria de saber de essas pessoas sofressem as violências que elas tanto defendem, se manteriam as mesas ideologias. Pronto falei.
 
Roney Costa Cunha em 26/09/2013 16:45:23
Entendi o comentário da Jéssica... Ela não coloca os assaltantes como vítimas devido ao fato ocorrido, mas sim uma possível vítima na falta de educação e assistência em tempos passados. Questões sociais são muito amplas e difíceis de serem analisadas somente lendo um trecho de um noticiário, mas também não podemos generalizar o motivo das causas e consequências que os levaram a tal destino. Jéssica seu comentário teve um um leve senso socialista, que não poderia ser explicado em poucas linhas, pois foi muito pouco compreendido, pela visão capitalista dos outros leitores.
 
Jackellynne Simões em 26/09/2013 15:31:50
"assaltantes mortos fizeram um limpa em clínica". Fico imaginando o que não fariam se estivessem vivos...
 
altemir dalpiaz em 26/09/2013 15:06:55
È Srta Jéssica,queria ver se vc estivesse na fila e fosse feita refém.
 
maria vieira em 26/09/2013 15:04:24
Olha tudo na vida tem seus riscos e suas consequências, crescemos ouvindo aos quatro cantos do mundo o que é certo e o que é errado e que se escolhermos o caminho errado a chance de se danar na vida é muito grande. Pois bem, se estes rapazes escolheram o mundo do crime, com certeza estavam afim de arriscar, podendo matar ou morrer, porque ninguém segura uma arma com a intenção de fazer um ato de bondade, ainda mais praticando assalto. Lamento aos familiares, mas devemos amara mais os filhos, sem deixar de prestar atenção nos seus atos, para depois não ficar reclamando que não sabia de nada!!!
 
Vana Almeida em 26/09/2013 15:02:52
É Jessica Machado , se estes criminosos surgissem em seu caminho ou de alguns de seus familiares , roubando,agredindo e até matando sem reação das vítimas como aconteceu em outras situações de sequestro e roubo de veículos que infelizmente já vimos em reportagens, anteriores,sua opinião seria outra.
 
Carlos Silva em 26/09/2013 15:02:25
sou vitima do sistema, trabalho e sustento minha família com dignidade, mas não tenho uma Hilux. Pela ótica da Sra JESSICA MACHADO, caso eu roube uma, para dar mais conforto e segurança para minha família, poderei ser condenado? Imaginem a quantidades de pobres e sem oportunidades que existe no Brasil, se todos resolverem agir como bandido estaremos lascados.
 
Alex andré de souza em 26/09/2013 13:54:40
Na minha opinião não se deve matar todos os bandidos,deixem alguns vivos,porque se matarem todos vai fechar as cadeias e os agentes penitenciários vão ficar desempregados.E os advogados criminalista vão defender quem se não tem mais presos!..Os jornais não vão mais terem matéria sobre crimes,vai ficar monótono não vamos mais ler,"assalto na lotérica deixa dois mortos,assalto em posto de gasolina acaba em trajédia,frentista troca tiro com bandidos e morre...."os policiais vão tirar folga vão para praia com a familia,o govberno vai ter que demiti los porque si não tem mais bandido pra que policia? pense bem! mate eles ,mais não matem todos,ok?
.
 
aldemar alfredo em 26/09/2013 13:43:22
ME PERDOEM a minha franqueza se em todos os assaltos .os policiais estivessem .proximo e podendo agir sem .oferecer riscos a si proprio .e aos inocentes eu ficaria feliz .espero .que nossos GOVERNANTES MUDEM .AS LEIS . dar direito a quem de direito .aos integrantes das forças de segurança . e as pessoas de BEM ......DIREITOS HUMANOS P QUEM FOR HUMANO O RESTO QUE .ARQUEM c as conscequençia
 
PEDRO ARAGAO em 26/09/2013 13:27:28
jessica machado, fiquei tão emocionada com o seu comentário, um discurso digno de prêmio, totalmente fora da realidade. te pergunto em que mundo você vive?, digo á você pega parte do seu salário e divide com essas pessoas ou leva para sua casa e cuida, estará dando á sua contribuição á sociedade que não aguenta mais ser refém de bandidos
 
me.cristina dos santos em 26/09/2013 13:19:18
Jessica conversa com o pessoal da clinica que foi assaltada por eles e depois fala pra gente o que eles acham, se os bandidos realmente deveriam ter tomado um cafezinho, conversado com o pessoal, etc, isso é hipocrisia de quem nunca foi assaltado, o dia em que apontarem uma arma pra sua cabeça, espero que isso não aconteça, tenho certeza que seus conceitos vão mudar, os direitos humanos hoje preocupam-se muito com bandido e esquecem que temos crianças trabalhando, pedindo esmola, abandonada nas ruas ou sendo exploradas, defendam quem merece ser defendido, problemas nós temos de sobra.
 
MAXIMILIANO RODRIGO ANTONIO NAHAS em 26/09/2013 13:03:58
Jéssica, então se vc acha que eles são bandidos por serem "vítimas" da sociedade, sugiro que vc comece a fazer visitas frequentes nos presídios desta cidade, para tentar minimizar a injustiça dessas "vítimas" que ali estão presos, que com certeza eles vão gostar da sua visita lá.
 
Jorge Santos em 26/09/2013 13:01:19
Jessica , todo mundo indiferente da classe social tem doi caminhos o bem e o mal, por mais que tenha dinheiro ou estudo é assim, se voce acha que a prisão é um melhor caminho e funciona, se funcionace não estaria cheio. com certeza se descobrice que era um policial teria o matado. agora quem acredita na recuperação deveria adotar e se responsabilizar pelo delinquente.
 
tarcisio m senuma em 26/09/2013 12:41:50
Mandou bem Ricardo Rodrigues!! Caso o sr. Pedro Kemp tivesse levado umas coronhadas na cabeça, seria o primeiro a condecorar o sargento Gomes, pela pelo ato de heroísmo e bravura em proteger todos que estavam na lotérica.
 
Jeanne Couto em 26/09/2013 12:31:05
JESSICA MACHADO, Acha o capitalismo injusto? mude pra Cuba ou para Coreia do Norte... Acha que trabalhar para ficar rico ou bem sucedido gera vitimas por causa de uma "sociedade competitiva que pugna pelo consumo desenfreado sem oferecer oportunidades reais"? Muda para o Irã...
La seus anseios de justiça, cidadania e igualdade serão supridos.
Conversinha de socialista burguesa criada por um pai capitalista que ralou para sustentar a família... Acorda guria, sai do Pais da Maravilhas que vc vive, assim como um bêbado pega o carro assume o risco de morrer e matar, quem pega uma arma para assaltar assume o mesmo risco.
 
Edson Antonio em 26/09/2013 12:18:50
É minha cara Jessica Machado...perdeu a oportunidade de ficar calada. Queria ver se fosse um "ente" querido seu que estivesse na mesma situação. Alias, parabéns sargento Evanilgo Gomes !! Belo ato de atitude e coragem !! Que Deus abençoe voçê e sua família sempre !!
 
Thiago Rui em 26/09/2013 12:13:23
Quem sai para roubar corre o risco de matar ou perder a própria vida. Nesse caso, melhor que não tenham sido pessoas de bem que perderam a vida. Os marginais estão matando e torturando por pouca coisa, portanto, menos dois para importunar pessoas de bem.
 
jorge oliveira em 26/09/2013 11:30:17
O povo precisa ler mais e analisar antes de escrever bobeira. Os que morreram são vítima de quê? Oportunidade todos tem e no Brasil de hoje, muito mais, que há serviço e vagas até para quem já aposentou. O poder judiciário cumpre Lei que seu Deputado e Senador fez. Nós não vemos aqui ninguém cobrando dos PARLAMENTARES, modificações na leis; culpam prefeito, governo, presidente e até o judiciário. A culpa é de quem faz leis frouxas, politiqueiras e precipitadas.
 
luiz alves em 26/09/2013 11:30:04
É JESSICA QUERO VER QUANDO VOCÊ OU UM PARENTE ESTIVER NA MÃO DE UM DESTES ASSALTANTES QUERO VER VOCÊ FALAR QUE SÃO VITIMAS E OUTRA NÃO FORAM FUZILADOS COMO VOCÊ DISSE CADA UM SÓ LEVOU UM TIRO
 
CLAUDINEI BRAZ DE LIMA em 26/09/2013 11:04:01
Com certeza são vítimas Srta Jéssica, assim como os policiais também o são; porém, policiais tem a obrigação funcional de defender a sociedade dos maus cidadãos, digamos assim, a solução não é matar por ser criminoso, mas a partir do momento que temos um sistema judiciário que não cumpre devidamente seu mister por diversos fatores e ainda o sistema carcerário que não recupera ninguém, os policiais tem que agir assim, pois estava só contra dois marginais e não bastaria dar voz de prisão apenas. A sociedade não perdeu nada com o episódio, só ganhou. Parabéns sim ao Policial e que se danem os integrantes dos direitos humanos, já que para eles Policiais não são humanos e nem as vítimas dos meliantes, pois só estes seriam. Levem pra casa de vocês os criminosos Srs dos DH...
 
Erudilho Nabuco em 26/09/2013 10:57:55
Se todo mundo que tem anseios e necessidades caladas por uma sociedade competitiva que pugna pelo consumo desenfreado sem oferecer oportunidades reais resolver assaltar, roubar e sequestrar estamos perdidos. Só quem esteve nas mãos desses meliantes com uma arma apontada para a cara durante um assalto pode dizer o terror que é. É muito simplista colocar a culpa na sociedade. Os "rapazes fuzilados" tiveram todas as chances de desistirem de seus atos, mas optaram pelo caminho mais fácil e, felizmente para nós, curto. Não quiseram trabalho, que hoje em dia não falta. E o que cansa dos direitos humanos é isso. E os direitos das vítimas? Cadê? Afinal, todos temos anseios e necessidades caladas por uma sociedade competitiva que pugna pelo consumo desenfreado sem oferecer oportunidades reais.
 
Endrigo Zotelli em 26/09/2013 10:53:57
Cara Jéssica, a sociedade é competitiva sim, mas quem quer, dá seus pulos. É muito fácil e cômodo atribuir aos outros a culpa de nossos fracassos.E muito mais fácil e rentável é tomar dos outros o que produzem, ao invés de ralar sol a sol pra ganhar o seu pão. E ainda aparece gente que ainda defende tais atitudes. Não são vítimas coisa nenhuma. São bandidos mesmo, e tiveram o fim merecido.
 
Everton Rocha em 26/09/2013 10:50:26
Jéssica, eu também não tive oportunidades, a pobreza não me deixou estudar, e hoje faço trabalhos braçais para meu sustento e o da minha famílha. Posso sair assaltando pessoas de bem então ?
Bandido bom, é bandido morto. Na cadeia, vai usar o meu suado dinheiro, então melhor é no cemitério mesmo.
 
Ivaronense de Ivaró em 26/09/2013 10:47:55
Jessica Machado, a questão não é se fechar em interesses pessoais e não se importar com uma totalidade como você disse.... A questão é se importar com a totalidade que está correta, é se importar com o caixa da lotérica que foi torturado pelos ladrões e saiu todo ensanguentado (A situação poderia se tornar pior, eles poderiam matá-lo), é se importar com as pessoas que estavam na fila da lotérica, é se importar com a vida do policial, se importar com todas as outras vítimas que seriam feitas por esses dois... É claro que se houvesse a opção da detenção preservando a vida dos dois seria melhor, porém, no momento não havia essa opção... Eles podem ser vítimas de uma sociedade capitalista, mas naquele momento eram os autores de um crime e foram repreendidos da maneira necessária...
 
Thiago Martins em 26/09/2013 10:46:22
Então... É difícil explicar preceitos básicos de cidadania, de Direitos Humanos quando as pessoas se fecham em seus interesses pessoais, pouco se importando com uma totalidade! Sr. Rafael Santos, esses rapazes fuzilados são tão vítimas quanto as pessoas que eles subjulgaram por alguns instantes, são vítimas sim! Como nós, que tenhos anseios e necessidades caladas por uma sociedade competitiva que pugna pelo consumo desenfreado sem oferecer oportunidades reais.
 
JESSICA MACHADO em 26/09/2013 10:35:21
E o Pedro Kemp ainda acha que o policial agiu com exagero, pois não deveria matar os delinquentes.
 
ricardo rodrigues em 26/09/2013 10:16:09
Será que o povo dos direitos humanos, defensores desses marginais, nunca foram assaltados? nunca foram sequestrados ou tiveram algum parente que sofreu nas mãos desses marginais? a sociedade está violenta por causa, também, desse excesso de direitos garantidos aos bandidos e defendidos pelos direitos humanos,que nunca se importam com as vítimas.
 
rafael santos em 26/09/2013 10:14:43
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions