A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 22 de Janeiro de 2018

03/05/2014 16:33

Após denúncia de fiscalização falha, PRF explica postos vazios na BR-262

Aline dos Santos e Filipe Prado
Segundo Airton Motti, ocorrências deixam policiais fora dos postos por até dez horas. (Marcelo Victor)Segundo Airton Motti, ocorrências deixam policiais fora dos postos por até dez horas. (Marcelo Victor)

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) informou que a falta de policiais nos três postos entre Campo Grande e Corumbá, na BR-262, mostrada pelo Campo Grande News,  foi em razão de deslocamento para ocorrência e de fiscalização em pontos com maior registro de acidentes.

Na última quinta-feira, a reportagem percorreu o trecho de 444 quilômetros e mostrou que os postos estavam vazios, apesar de a corporação ter elencado o Festival América do Sul, que acontece em Corumbá, com um dos focos da operação Dia do Trabalho.

“A pessoa não está lá, mas está trabalhando”, afirma o chefe da Seção de Policiamento e Fiscalização, Airton Motti Júnior. Segundo ele, quando acontece acidente ou apreensão, o policial precisa ficar fora da base por até dez horas para cumprir a burocracia e se deslocar a hospitais e delegacias.

De acordo com ele, a PRF também realiza fiscalizações programadas em alguns trechos, levando em consideração os horários e locais com mais acidentes.

Especialista diz que doenças vasculares aumentam em até 30% no verão
Dados da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular, seção Rio de Janeiro (SBACV-RJ), indicam que as altas temperaturas, comuns da épo...
Com 817 processos, Justiça retoma julgamentos nesta segunda em MS
O TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) retoma nesta segunda-feira (22) as sessões de julgamento dos órgãos colegiados da Corte. Somente n...
Prazos processuais voltam a correr a partir de amanhã no judiciário de MS
O TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) alerta que os prazos processuais voltam a fluir normalmente a partir desta segunda-feira (22) no j...


O problema está no usuário...não nos policiais que ficam no interior do prédio...ar condicionado....águinha mineral...computador....enquanto as pessoas morrem nas rodovias...
O problema não é da elite PRF.
 
Hercules Hillesheim em 04/05/2014 00:56:45
Fui para Aquidauana hoje cedo saindo de Campo grande e no posto de Terenos estavam duas viaturas paradas e os policiais lá dentro do posto num bom bate papo e ninguem abordando os condutores na pista.
À noite na volta nenhum Prf no posto e nenhuma viatura também. Aonde estavam os policiais que deveriam zelar pelas rodovias??
Eu ainda acho que os Prf's se acham uma 'elite' e que esquecem que estão ali para oferecer serviço de qualidade e asseio ao condutor brasileiro.Digo ainda com muito respeito e menas truculência.
 
Hercules Hillesheim em 04/05/2014 00:46:17
Faça-nos rir PRF!!! Bela tentativa de explicar o inexplicável. Sempre a mesma coisa: a PRF anuncia "reforço na fiscalização" e não se vê um único policial na estrada. É assim que a PRF "cuida" das regiões de fronteira!!! Todos sabem que podem dirigir como quiserem, porque a fiscalização é inexistente. Quantos carros estão com documentos atrasados? Quantos motoristas embriagados? Quantos levam drogas e armas?
 
Luiz Pereira em 03/05/2014 22:11:42
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions