A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

30/10/2010 07:43

Após denúncias, Cinemark pode mudar práticas na Capital

Redação

Depois de denúncias de clientes e fiscalização do Procon, a rede de cinemas Cinemark anuncia que pode rever alguns procedimentos.

O Procon de Mato Grosso do Sul concluiu na quarta-feira três processos contra o Cinemark de Campo Grande, que geraram multa com valores acima dos R$ 13 mil. A rede ainda é acusada de permitir que crianças abaixo da classificação etária de 16 anos assistam ao filme "Tropa de Elite 2".

De acordo com a assessoria de imprensa da rede de cinemas, a filial de Campo Grande vai se reunir com o Procon para esclarecer as práticas que os consumidores julgam inadequadas.

Entre as diversas reclamações protocoladas, há casos de cobranças de valores diferentes dos anunciados, além de extensas filas, mau atendimento e falta de orientações para os clientes.

Segundo o Cinemark, caso seja constatada alguma irregularidade, poderá haver mudanças para melhorar o atendimento.

Restrição

MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
Presos da penitenciária federal da Capital são julgados por crime em RN
Um preso custodiado no presídio federal de Campo Grande foi julgado, ao lado de outros três homens, na quinta-feira (14) e nessa sexta-feira (15) por...
Governo Federal reduz período do horário de verão para 2018/19
O presidente Michel Temer assinou hoje (15) um decreto reduzindo em duas semanas o horário de verão em 2018. No ano que vem, a medida começará a vale...
Inscrições para o Vestibular 2018 da UFMS seguem abertas
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions