A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

08/02/2012 11:00

Assembleia promulga lei que cria fundo para comprar terra indígena

Fabiano Arruda

Casa de Leis também promulgou outras cinco leis na edição desta quarta do Diário Oficial do Estado

A Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul promulgou, na edição desta quarta-feira do Diário Oficial do Estado, seis leis, entre elas, a que autoriza o Governo do Estado a criar o Fepati (Fundo Estadual de Terras Indígenas).

De autoria dos deputados Laerte Tetila (PT) e Pedro Kemp (PT), o objetivo do fundo é captar recursos financeiros para aquisição de terras de propriedades particulares consideradas terras indígenas e destinadas ao assentamento de famílias indígenas.

Na prática, o Fepati foi criado na tentativa de agilizar o processo de indenizações no Estado e se desvencilhar das decisões da União.

“É natural que seja um projeto polêmico e crie resistência dos produtores, mas é um mecanismo para agilizar indenizações que geralmente demoram de 15 a 20 anos”, chegou a explicar Tetila ao Campo Grande News.

A Casa de Leis promulgou ainda a determinação que o Governo do Estado afixe placas permanentes, alertando sobre os riscos do uso das drogas, nas escolas da rede estadual de ensino, que passarem por reforma o ampliação de suas instalações.

Outra lei promulgada dispõe sobre a instalação de placas de informação sobre postos de combustíveis nas rodovias estaduais.

A edição desta quarta do DOE também traz a publicação de da lei que declara de utilidade pública estadual a “Associação de Pais e Amigos Beneficentes de Crianças e Idosos Dona Margarida”. Também foi declarada de utilidade pública estadual a Associação dos Praças e Oficiais da Política Militar e do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso do Sul.

E a lei número 4.167 torna obrigatório “o encaminhamento aos contratantes, por escrito, de contratos firmados por meio de call center e outros meios não presenciais, e dá outras providências”.

Aprovado projeto que cria fundo para aquisição de terras indígenas no Estado
A Assembleia Legislativa aprovou na sessão desta quarta-feira (30) o projeto de lei de autoria do deputado Laerte Tetila (PT) que cria o Fepati/MS (F...
Projeto prevê criação de fundo para aquisição de terras indígenas
Projeto que prevê a criação do Fepati/MS (Fundo Estadual para Aquisição de Terras Indígenas) deu entrada na Assembleia Legislativa. O objetivo do fun...


E lei para ajudar os produtores prejudicados, ninguem pensa nessas familias . Eles estão en terras indigenas sim mas se pararmos pra pensar teriamos que desolculpar nossas casas pois tudo pertense aos povos indigena .
 
eliane alves pereira em 08/02/2012 12:39:28
É sempre assim, quando chega a hora dos graúdos invasores quem paga a conta é o contribuinte.
 
João Crisóstomo de Campo Grande - MS em 08/02/2012 12:01:14
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions