A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

21/08/2010 16:57

Blitz educativa contra fumo passa por bares da Capital

Redação

A Sesau (Secretária Municipal de Saúde) mobilizou um time para visitar bares e boates da Capital e conscientizar os donos e funcionários a respeito da nova lei que proíbe fumo em locais fechados.

Na sexta-feira e sábado, a equipe, formada por acadêmicos de Medicina da Uniderp, saem as ruas para entregar panfletos e fazer o teste no monoxímetro, aparelho que mede a quantidade de monóxido de carbono no organismo da pessoa.

A partir de 1º de setembro está proibido fumar em bares, boates e qualquer outro lugar público de Campo Grande.

A lei, que foi regulamentada no fim do ano passado, ainda permitia que os fumantes usassem a área reservada, o "fumodrómo". A partir do mês que vem, nem isso ser[á permitido.

A gerente técnica do Programa de Tabagismo da Sesau, Maria Leonete Simioli, explica que o fumo só será permitido em vias públicas e dentro da residência do fumante, proibido em ambientes coletivos.

"O número do gasto da saúde pública com doenças relacionadas ao tabagismo é maior do que o arrecadado com o imposto das empresas de cigarro. Um fumante passivo absorve 50 vezes mais a fumaça do que o fumante ativo".

A criação da lei se deve ao fato de 40 mil pessoas morrerem por ano em decorrência do fumo passivo, no país.

Calçada - O sócio-proprietário do bar Bodega, Antonio Meneghini, lembra que a aplicação da lei traz muita confusão, já que alguns fumantes, principalmente após beber acima da conta, resolvem acender o cigarro de qualquer maneira.

"Esses dias uma moça acendeu no lado de dentro do bar e perguntou o que eu poderia fazer.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions