ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, QUARTA  25    CAMPO GRANDE 24º

Capital

"Kit gás" explode e destrói carro que transitava na avenida João Arinos

Dono do Vectra ouviu a explosão, jogou o carro para o acostamento e correu; incêndio começou no porta-malas

Por Silvia Frias e Geisy Garnes | 10/02/2020 16:05
Incêndio começou pelo porta-malas e rapidamente se alastrou (Foto: Geisy Garnes)
Incêndio começou pelo porta-malas e rapidamente se alastrou (Foto: Geisy Garnes)

Um veículo ficou destruído após incêndio que começou no porta-malas, no cilindro do GNV (Gás Natural Veicular), o “kit gás” instalado para abastecimento esta tarde, no bairro Tiradentes, em Campo Grande. As chamas chegaram rapidamente os bancos e somente a parte da frente não foi atingida. 

O incêndio aconteceu às 15h, na Avenida João Arinos, próximo do viaduto, no sentido centro-bairro. O calheiro Orlando Martins Nogueira, 53 anos, é proprietário do Vectra, com placa de Jaraguari, disse que não usa o kit gás há três meses e já havia passado para gasolina desde então.

Hoje, a caminho do Residencial Oiti, onde faria orçamento de calhas, ouviu uma explosão vinda da parte de trás, no porta-malas, onde o kit ainda estava instalado. Ele jogou o Vectra para o acostamento e correu. “Depois que pegou no banco, aí ficou difícil de apagar”, disse.

As chamas chamaram atenção de quem passava e pelo menos uns seis condutores pararam para ajudá-lo. Quando a equipe do Corpo de Bombeiros chegou, a maior parte do fogo havia sido controlada, com ajuda de quem parou. “Não tem muito que fazer, mas dá para aproveitar o motor”.

Apesar do susto, Orlando se mostrou resignado e tranquilo. “Deus não dá uma cruz maior do que a gente pode carregar”. O calheiro conta que tem outro carro e não vai ficar sem ter como trabalhar. Ele aguarda no acostamento a chegada do guincho para levar o que restou do Vectra.

Dono diz que pode reaproveitar motor, que não foi atingido (Foto: Geisy Garnes)
Dono diz que pode reaproveitar motor, que não foi atingido (Foto: Geisy Garnes)
Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário