A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

30/06/2016 12:42

A partir de hoje, policiamento de 137 bairros conta com arma de choque

Fernanda Mathias
Cada viatura do 10º Batalhão conta com uma arma não-letal; treinamento para manuseio foi encerrado ontem (Foto: Fernando Antunes) Cada viatura do 10º Batalhão conta com uma arma não-letal; treinamento para manuseio foi encerrado ontem (Foto: Fernando Antunes)

A partir desta quinta-feira (30) policiais militares do 10º Batalhão, que atuam na região do Anhanduizinho, contam com armas de choque não-letais para atendimento de ocorrências. O treinamento para uso das armas terminou nesta quarta-feira, 29.

A instrutora do curso e responsável pela comunicação do batalhão, capitã Cleide Maria da Silva, explica que cada uma das viaturas do batalhão recebeu uma pistola de condutividade elétrica (Spark), considerada de menor potencial ofensivo. O Batalhão atende 137 bairros e o Distrito de Anhanduí, incluindo, entre eles, Vila Jacy, Jockey Club, Pioneiros e Aero Rancho, sendo esta a região mais populosa da Capital.

Os policiais passaram por oito horas de curso para o manuseio e elas deverão ser empregadas de acordo com o cenário da situação em ocorrência, explica a capitã. “É uma arma de menor potencial ofensivo, está um estágio abaixo da arma de fogo. O policial na linha de força é quem vai tomar a decisão”.

As armas chegaram ao 10º Batalhão por integrar programa que estimula medidas para combate ao tráfico e à dependência de drogas, que conta ainda com câmeras de segurança instaladas no Jardim Los Angeles. Também em Dourados, ao Sul do Estado, a PM recebeu do programa “Crack, é Possível Vencer”, 50 pistolas de condutividade elétrica e 150 frascos de espuma de pimenta.

Como funciona – Primeira arma de choque fabricada no Brasil, a Spark é um dispositivo elétrico incapacitante que emite pulsos elétricos que atuam sobre o sistema neuromuscular, causando desorientação, fortes contrações musculares e queda do indivíduo, permitindo a incapacitação temporária.

Os comandos de acionamento são ambidestro e o cartucho tem sistema de ejeção automática. O disparo é realizado através do acionamento do gatilho de ação progressiva que, ao ser pressionado, permite que o dispositivo emita pulsos elétricos por um período de 5 segundos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions