ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, DOMINGO  25    CAMPO GRANDE 26º

Capital

Advogado pede investigação sobre abandono de gatos mortos por pitbulls

Advogado quer a abertura de inquérito para tentar identificar mulher que abandonou os animais

Adriano Fernandes | 17/10/2022 23:28


O advogado animalista Pablo Chaves, remeteu às promotorias de meio ambienta da Capital pedido de investigação para tentar identificar a mulher que abandonou três filhotes de gato, na Avenida Aracruz e que acabaram morrendo após serem atacados por dois cães.

Dentre os argumentos da representação criminal o advogado pontua que não faltam indícios da culpabilidade da tutora que abandonou os animais. Câmera de segurança flagraram a situação. A conduta da moradora, conforme o advogado, se enquadra como crime de maus-tratos que prevê pena de 2 a 5 anos de prisão, aumentada de um sexto a um terço, se ocorrer a morte do animal.

No requerimento, Pablo pede a instauração de inquérito policial para investigar o caso, com o devido indiciamento dos responsáveis. Caso a mulher seja identificada, o advogado sugere que seja representada pela prisão preventiva da mulher. A Justiça ainda não se manifestou sobre o pedido.

O caso - Viviane Guimarães, de 34 anos, dona de um petshop foi surpreendida na manhã desta sexta-feira (14) ao encontrar uma caixa com a mensagem  “gatos para adoção” em frente a seu estabelecimento na Avenida Aracruz, no bairro Parque dos Novos Estados. Nas imagens registradas pela câmera de segurança é possível ver que, por volta das 22h de quinta-feira (13) uma mulher desce de uma moto carregando uma caixa deixada em frente a loja veterinária. Durante a madrugada, dois cachorros começaram a mexer na caixa e, mesmo dois dos três filhotes de gatos tentando fugir, eles foram mortos por eles.

A caixa em que os animais estavam em sua tampa continha a mensagem “gatos para adoção”. Os cachorros que perseguiram os filhotes eram da raça Pitbull e aparentavam ter sido abandonados também, a fêmea estava debilitada e permaneceu deitada durante o dia, enquanto o macho a fazia companhia. Ambos os animais aparentavam terem sido abandonados recentemente.

A empresária entrou em contato com o CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) que fez o resgate dos dois cachorros. Ao tentar realizar o registro do boletim de ocorrência, ela foi informada que não seria possível por ela não ter a placa da moto e não saber quem deixou os gatos na calçada.

Nos siga no Google Notícias