A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

18/05/2016 08:51

Agência bancária assaltada ontem abrirá normalmente nesta quarta-feira

Guilherme Henri
Todos os serviços irão operar normalmente, informou a assessoria da agência. (Foto: Marcos Ermínio)Todos os serviços irão operar normalmente, informou a assessoria da agência. (Foto: Marcos Ermínio)
Agência no coração da Capital foi assaltada na manhã de terça-feira (17) por dois homens de terno Agência no "coração da Capital" foi assaltada na manhã de terça-feira (17) por dois homens de terno

Após o clima de tensão vividos por funcionários, vigia e população, a principal agência do Banco do Brasil de Campo Grande, localizada entre a avenida Afonso Pena e rua 13 de Maio, no centro, abrirá as portas normalmente a partir das 11h, desta quarta-feira (18). O banco foi assaltada na manhã de ontem (17) e os serviços foram paralisados por conta da ação de dois homens de terno que renderam funcionários, vigia e levaram quatro malotes da tesouraria.

A informação é da assessoria de comunicação do banco que confirmou que todos os serviços irão operar normalmente, inclusive o setor assaltado.

Por volta das 7h o Campo Grande News foi até o local e confirmou que o movimento na agência foi normalizado e os caixas eletrônicos operam normalmente.

Segundo o presidente do Sindicato dos Bancários de Campo Grande e Região, os três funcionários da agência e o vigia também estão incluídos no expediente de hoje, mas ainda devem receber acompanhamento psicológico. “Aparentemente eles estão bem”, disse.

Questionado sobre se o sindicato deve sobrar mais segurança nas agências, o presidente informa que nenhuma ação está prevista, mas será pauta de discussão nos próximos dias. “Pode ser cobrado à nível nacional”, explica.

Já a assessoria, não soube informar sobre se haverá reforça na segurança e ainda destacou que a agência não irá revelar o valor roubado.

A dupla de ladrões realizou o assalto em dez minutos, levando malotes cheios de dinheiro. O crime é classificado como ‘sapatinho’ pela polícia, já que os assaltantes agiram na surdina sem despertar grandes suspeitas.

Até as primeiras horas desta quarta-feira ninguém tinha sido preso e as investigações ficaram a cargo do Garras (Grupo Armado de Repressão a Roubos a Banco, Assaltos e Sequestros). Conforme o delegado Edilson dos Santos, via imagens coletadas por meio das câmeras do circuito interno de segurança do Banco do Brasil, a polícia já conseguiu a identificação dos bandidos.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions