A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

01/08/2013 19:17

Após 12 anos, mãe consegue indenização para filha, vítima de erro médico

Evelyn Souza
Valdecí e a filha, que hoje tem 20 anos. (Foto: Arquivo Pessoal)Valdecí e a filha, que hoje tem 20 anos. (Foto: Arquivo Pessoal)

Depois de 12 anos uma mulher conseguiu na Justiça, o direito de indenização para a filha, vítima de erro médico.

Valdecí Batista Santos, 54 anos conta que a filha que na época tinha 8 anos, foi atropelada por um carro, quando andava de bicicleta. O responsável pelo atropelamento prestou socorro a vítima, que foi encaminhada para Santa Casa de Campo Grande.

No hospital, o médico ortopedista tirou uma radiografia e liberou a criança, afirmando que não havia nenhuma fratura. Como a menina se queixava de dores, a mãe levou a filha até outro hospital e descobriu que ela estava com duas fraturas no pé.

“O médico da Santa Casa pediu uma radiografia do tornozelo pra cima, nem viu o pé dela”, disse a Valdecí.

A funcionária pública chegou a procurar o Conselho Regional de Medicina para registrar o erro médico, mas lá o caso foi registrado com o parecer de “uma mãe inconformada”. Já o Conselho Federal informou que não poderia investigar o caso, porque não existiu óbito.

Depois das tentativas, Valdecí procurou a Defensoria Pública e ganhou o direito de indenização na Segunda Instância e, por unanimidade, no Superior Tribunal de Justiça. Ela foi atendida pela defensora Vera Regina Prado Martins.

“Hoje minha filha está com 20 anos e muito bem de saúde. Mas ela poderia ter perdido o pé se eu não procurasse outro médico”, conta a mãe.

A filha, Arianne Batista Ricarde atualmente é acadêmica de direito e segundo a mãe, vai utilizar o valor da indenização para comprar um carro e pagar parte da faculdade.

Durante discussão, adolescente de 17 anos é esfaqueado pelo amigo
Um jovem de 17 anos foi levado em estado grave para a Santa Casa após ser esfaqueado na noite deste sábado, na frente da casa em que mora no Bairro G...
Após furtar obra, ladrão é capturado por moradores e ferido a tiros
Marcio Estacio Duarte Teixeira, de 31 anos, foi socorrido a Santa Casa de Campo Grande após ser atingido por dois tiros na madrugada deste domingo (1...


Que linda essa dupla, parabéns pela garra e persistência, minha futura Dra Ariane...
Que Deus continue presente nesse lar e na vida de vocês: Val, Ariane e João Vitor.
 
Norma Jornada em 08/08/2013 16:45:46
Parabéns!!! para a essa mãe guerreira, determinada... e também pela grande Defensora Drª Vera Lúcia, que nunca mediu esforços para defender os direitos dos seus assistidos. Na Defensoria, passou muita gente boa, inclusive a Drª Jane Dietrich e tantos outros. Contrário do Sr. Helton, defensor que mal olha no rosto das pessoas.
 
Neyde de Oliveira em 02/08/2013 23:33:55
Muito triste essa situação! tenho um afilhado que também sofre com esse tipo de negligencia! há 8 anos esperamos por justiça, meu afilhado perdeu um dedo por conta de um médico irresponsável! e até hoje estamos lutando na justiça!
Srª Valdeci parabenss pela conquista! Nós também não vamos desistir, um dia conseguiremos ha justiça.
 
Evelyn Correa em 02/08/2013 11:14:11
Nota 10 para Sra. Valdeci a mãe de Arianne, nota dez para a defensora Vera Regina Prado Martins, nota dez para a Arianne que está com saúde e se preparando para conhecer melhor os seus direitos e de sua família. Deus a abençoe Arianne, e que você a exemplo da Dra. Vera Regina venha se tornar uma ótima e capacitada profissional no campo do direito para defesa dos menos favorecidos em nossa sociedade que sofre injustiça todos os dias em nosso país. AGORA NOTA ZERO PARA O CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA, que faz o seu estatuto para favorecer tão somente a classe corporativista da medicina. Disse o CFM, que não podia investigar o caso da Arianne porque não houve morte. Pergunto: As pessoas só tem direito quando morrem Conselho Federal de Medicina? Quantas e quantas Ariannes ainda injustiçadas!!!
 
João Alves de Souza em 01/08/2013 20:02:50
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions