A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

13/12/2011 11:09

Após ocupação, 40 policiais militares farão segurança no bairro Tiradentes

Francisco Júnior e Fernando da Mata

Polícia Militar realizou hoje operação de combate ao tráfico de drogas no bairro

Base móvel ficará no espaço onde foi montado o comando central da operação na manhã de hoje (Foto: João Garrigó)Base móvel ficará no espaço onde foi montado o comando central da operação na manhã de hoje (Foto: João Garrigó)

O comando da Polícia Militar divulgou um balanço da operação de combate ao tráfico de drogas realizada na manhã de hoje, no bairro Tiradentes, em Campo Grande.

No total, foram presas oito pessoas e cumpridos 16 mandados de busca e apreensão. Os policiais apreenderam dois quilos de pasta base de cocaína, cinco quilos de maconha e R$ 6 mil em dinheiro. Dois pontos de vendas de drogas foram fechados.

Conforme a Polícia, a operação envolveu 200 policiais de todos os batalhões, Cigcoe ( Cigcoe (Companhia Independente de Gerenciamento de Crises e Operações Especiais), cavalaria e serviço de inteligência. Abordagens foram realizadas a pedestres e motoristas durante a ação no bairro. Casas foram vistoriadas pelos PMs a procura de traficantes e pontos de vendas de drogas.

De acordo com o promotor do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado), Marcos Alex, os mandados de prisão foram expedidos a partir de levantamentos feitos pela PM.

Durante operação, Polícia apreendeu porções de cocaína, maconha e R$ 6 mil em dinheiro. (Foto: João Garrigó)Durante operação, Polícia apreendeu porções de cocaína, maconha e R$ 6 mil em dinheiro. (Foto: João Garrigó)

Durante as investigações, a Polícia apurou que o bairro estaria se transformando em um entreposto e referência para a venda de drogas em Campo Grande.

De acordo com o comandante da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, coronel David dos Santos, como foi feito na Vila Nhá-Hhá após a ocupação, no Tiradentes será montada, por tempo indeterminado, uma base móvel da Polícia pacificadora.

Conforme o coronel, com essa ação, a relação entre a polícia e a população será estreitada. “Vamos distribuir o número do disque denuncia para que a população denuncie”, disse.

Segundo o comandante do Policiamento Metropolitano, Jorge Edgard Júdice Teixeira, 40 policiais farão a segurança no bairro diuturnamente e, para o patrulhamento, serão destinadas três viaturas e seis motos.

A base móvel da polícia pacificadora no bairro será instalada na avenida Marquês de Pombal, em frente a aldeia urbana Marçal de Souza. Está prevista, para o próximo ano a instalação de uma base permanente, porém a data não foi divulgada.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions