A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

04/01/2014 10:05

Assassinato de adolescente comove vizinhos no Alves Pereira

Francisco Júnior e Filipe Prado
Suspeitos foram apresentados na Depac. (Foto: Filipe Prado)Suspeitos foram apresentados na Depac. (Foto: Filipe Prado)

Meiga e carismática. Assim os vizinhos definem Wanessa Gabrielly dos Santos Almeida, de 16 anos, assassinada com dois tiros na noite de ontem (3), na Vila Alves Pereira, em Campo Grande. O crime chocou os moradores da Rua Eduardo Razuk, onde a vítima morava há oito anos com a família.

Moradora da região, Valdenice Costa, 44 anos, disse que a morte da jovem causou uma comoção geral no bairro. “ Ela era muito querida. A hora que o pessoal ficou sabendo da morte dela, todo mundo saiu para rua e foi acolher a família dela”, conta.

Valdirene Melo da Silva, de 29 anos, considera uma fatalidade tudo o que aconteceu. Ela afirma que conversava com frenquencia com Wanessa. Ela lamenta a morte da adolescente. “Poderia ter acontecido com qualquer pessoa. Ela estava no local errado e na hora errada”.

Eduardo Luiz , 30 anos, diz só ter elogios para a vítima. Ele conta que a viu pela última vez na quinta-feira. “Eu estava aqui na rua e ela pediu para eu comprar uma Coca-Cola. Era uma menina muito especial”, lembra.

O crime aconteceu por volta das 22h30. Wanessa estava saindo de casa na garupa de uma moto pilotada pelo namorado Isaac Engles Ferreira, quando foi atingida por dois disparos. Ela ainda foi socorrida por vizinhos até a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Bairro Universitário, mas devido à gravidade dos ferimentos ela acabou morrendo.

Os dois suspeitos do crime já foram presos. Trata-se de Ruan Luan Viera da Silva, 18 anos, e João Paulo, o Japinha, 23. Conforme a Polícia, a dupla tentou matar Isaac para vingar a morte de um amigo conhecido como Jefinho, ocorrida em abril do ano passado.

Os dois permanecem presos na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga.
O corpo de Wanessa ainda não foi liberado pelo IMOL (Instituto Médico Odontológico Legal).



Nossa nem acredito que ela morreu :( conhecia ela desde quando ela tinha 8 anoos, mas infelizmente ela morreu, que descanse em pazz
 
beatriz dos santos em 04/01/2014 13:01:32
Que DEUS conforte a familia da Wanessa,e que ela descanse em paz
 
atalicio junior em 04/01/2014 11:23:57
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions