A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

15/05/2011 09:37

Avenida no bairro Nova Lima afetada por cratera ainda está interditada

Marta Ferreira
Trecho de avenida está interditado e expectativa é de liberação nos próximos dias. (Fotos: Simão Nogueira)Trecho de avenida está interditado e expectativa é de liberação nos próximos dias. (Fotos: Simão Nogueira)

Funcionários da empreiteira responsável pelas obras emergenciais no bairro Nova Lima, onde uma cratera foi aberta pelas chuvas este ano, estão trabalhando no fim de semana para acelerar os serviços, para que a principal via do bairro, a avenida Marques de Herval, seja liberada para o tráfego esta semana. A avenida está com um trecho interditado desde o começo do mês, após parte dela ser engolida pelo buraco.

Desde o dia 2 de maio, a prefeitura iniciou obras emergenciais, após muitas reclamações dos moradores, que temiam perder suas casas.

Por enquanto, as obras em execução, são paliativas, para evitar que o buraco aumente ainda mais e para restabelecer o tráfego na Marques de Herval, também conhecida como Corredor do Nova Lima. A via dá acesso a vários bairros na região Norte da cidade.

Operários trabalham no domingo para substituir tubulação destruída pelas águas.Operários trabalham no domingo para substituir tubulação destruída pelas águas.

Como está- Em duas semanas de obras,os trabalhadores já aterraram uma parte do buraco, refizeram tubulações para drenagem de águas que haviam sido destruídas e estão refazendo uma caixa de concreto que faz parte da estrutura para dar vazão às chuvas.

Morador do bairro, o trabalhador na obra Fernando Bezerra da Silva, 47 anos, diz que o avanço das obras deixa a comunidade mais tranqüila, após tanto tempo só vendo a erosão avançar.

A prefeitura estima que sejam necessários R$ 10 milhões para obras definitivas no local. Já foi anunciada a liberação de R$ 5 milhões pela Defesa Civil, diante da urgência da situação.



De fato, enquanto a segurança não for garantida para, não tem razão para liberar a via. Mas o importante é que algo está sendo feito, mesmo que de forma paleativa, pois esta erosão é muito grave e requer muito dinheiro para que seja sanada. E ainda assim, pelo que entendo, é uma obra muito demorada. Pelo menos vejo que a prefeitua está bastante empenhada em resolver a situação. O que falta, enfim, é verba.
 
Rafael Sobreira em 16/05/2011 04:46:47
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions