ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  22    CAMPO GRANDE 25º

Capital

Bêbado, médico bate carro na lateral de ônibus parado no Centro

Dentro do carro, havia garrafas de cerveja e gin; ele se recusou a fazer teste, mas foi preso por estar visivelmente embriagado

Mariana Rodrigues | 03/03/2021 08:44


Médico, de 32 anos, foi preso por policiais do Batalhão de Choque por dirigir embriagado no Centro de Campo Grande depois de bater um Audi na lateral de um ônibus. O veículo do transporte coletivo estava estacionado no ponto de embarque de passageiros na Rua 15 de Novembro. Dentro do carro havia garrafas de cerveja e de gin.

Conforme registrado na noite de ontem (2) em boletim de ocorrência, o motorista do ônibus procurou policiais militares que faziam rondas pela região, na tarde dessa terça-feira, contando que o ônibus estava parado no ponto da Praça Ary Coelho, quando foi atingido na lateral esquerda.

Os policiais abordaram o autor e perceberam que ele apresentava sinais visíveis de embriaguez. Estava desorientado, com a voz pastosa e exalando cheiro de bebida alcoólica. O homem revelou que havia passado a tarde bebendo com amigos. Ao ser questionado onde estava, disse: “Eu estou em Maringá e moro em Campo Grande”.

Durante a abordagem, o médico também ameaçou, dizendo aos policiais que eles não sabiam com quem estavam mexendo. Na buscas pelo carro, os militares encontraram três garrafas de cerveja e uma de gin.

O médico foi convidado a fazer o teste do bafômetro, mas se recusou. Por isso, foi confeccionado um termo de recusa e ele foi levado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro. O carro entregue a familiares.

Nos siga no Google Notícias