A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 25 de Abril de 2019

17/10/2018 10:24

Briga por TV motivou assassinato em penitenciária, confessa detento

Crime aconteceu no Presídio de Trânsito que fica Complexo Penitenciário, que fica no Jardim Noroeste, em Campo Grande

Viviane Oliveira
Fachada do Presídio de Trânsito que fica no Complexo Penitenciário do Noroeste (Foto: arquivo/Campo Grande News)Fachada do Presídio de Trânsito que fica no Complexo Penitenciário do Noroeste (Foto: arquivo/Campo Grande News)

Preso por tráfico de drogas em março deste ano, Diogo Guilherme da Silva Firmino, 22 anos, confessou que matou espancado e asfixiado o colega de cela, Elizeu Ribeiro de Jesus, 25 anos, no Presídio de Trânsito localizado no Complexo Penitenciário, que fica no Jardim Noroeste, em Campo Grande. O crime aconteceu na madrugada de terça-feira (16) na cela 6. 

Preso junto com Elizeu há duas semanas, Heverton Guimarães Santana, 30 anos, também foi encontrado enforcado na cela ao lado. O acusado nega que o assassinato tenha sido encomendado por organização criminosa e que tenha envolvimento na morte de Heverton. Os envolvidos são membros de facções rivais e foram presos por tráfico de drogas. 

Briga - Diogo contou à polícia que há 4 dias havia brigado com o companheiro de cela por causa de um baralho. Por volta das 4h de ontem, os dois começaram a discutir novamente. Dessa vez, porque um queria dormir e o outro assistir televisão. Durante a discussão, Diogo desceu de sua cama, que fica na parte superior, e foi para cima do colega e deu um chute com os dois pés no peito dele.

Elizeu caiu e bateu a cabeça na parede perto do banheiro e ficou desacordado. Digo, então, aproveitou a situação e agrediu a vítima com vários socos batendo a sua cabeça contra o chão. Ao perceber que o rapaz ainda respirava, o interno pegou um saco plástico passou em volta do pescoço dele e com um cinto o sufocou até a morte. 

Prisão - Diogo foi preso no dia 18 de março com mais três comparsas em um motel. Eles foram flagrados com quase 1 tonelada de maconha em um veículo roubado, em um motel na BR-262, saída para Cuiabá, região norte. Um carro utilizado como batedor também foi apreendido. Diogo contou que receberia R$ 4,5 mil ára transportar a droga de Antônio João para Chapadão do Sul.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions