A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 21 de Abril de 2019

01/11/2018 19:03

Capital registrou queda de 106 raios e ventos de 71 km/h durante temporal

Leitores relatam falta de energia na Vila Margarida e na Avenida Afonso Pena após temporal atingir a cidade

Humberto Marques
Chuva causou alagamentos na região da UFMS; em alguns bairros, falta energia elétrica. (Foto: Kísie Ainoã)Chuva causou alagamentos na região da UFMS; em alguns bairros, falta energia elétrica. (Foto: Kísie Ainoã)

O temporal que atingiu Campo Grande na tarde desta quinta-feira (1º) registrou ventos de 71,2 km/h e a queda de 106 raios, segundo informações do meteorologista Natálio Abrão. Durante a chuva, a cidade também registrou queda de 10 graus na temperatura. Houve falta de energia em algumas regiões da cidade.

Conforme a meteorologia, a chuva, acompanhada de trovoadas, registrou 106 raios e ventos de até 71,29 km/h. Os termômetros, que cravavam 29,3ºC antes da chuva, registravam temperatura de 19,1ºC depois do temporal.

A chuva, embora forte, variou de quantidade –os problemas causados por alagamentos foram restritos, atingindo, por exemplo, o campus da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). Na região do Shopping Campo Grande, a precipitação acumulada foi de 13,2 milímetros, chegando a 28,8 milímetros nas imediações do Colégio Militar (no Santo Amaro) e a 2,2 milímetros nas imediações do Aeroporto Internacional de Campo Grande.

A ventania derrubou árvores pela cidade. Uma delas interditou totalmente a Rua Antônio Maria Coelho, na esquina com a Rua Padre João Crippa. Houve confusão no trânsito e a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) interditou a via uma quadra abaixo, na esquina com a Rua Pedro Celestino.

Por conta do mau tempo, o Aeroporto Internacional de Campo Grande operava por instrumentos. Um voo vindo de São Paulo (SP) com 198 passageiros precisou desviar a rota para Cuiabá (MT), depois de tentar pousar por duas vezes e sobrevoar a cidade por meia hora, sem encontrar condições de pouso.

Moradores e lojistas de algumas regiões de Campo Grande relatam falta de energia elétrica entre o meio desta tarde e o início da noite. O problema atinge, por exemplo, ruas da Vila Margarida e trechos da Avenida Afonso Pena, no Centro. Equipes da Energisa já estão nas ruas a fim de verificar problemas nas linhas de transmissão. O teleatendimento da empresa estava com as linhas congestionadas até o início desta noite.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions