ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SÁBADO  27    CAMPO GRANDE 28º

Capital

Casal mantinha "delivery" de drogas que eram encomendadas pelo WhatsApp

Por Adriano Fernandes e Geyse Garnes | 26/07/2018 23:47
Droga que era comerciada pela dupla. (Foto: Denar)
Droga que era comerciada pela dupla. (Foto: Denar)

Um velho conhecido da polícia por seus “deliverys” de drogas encomendados pelo WhatsApp, voltou a ser preso, nesta quinta-feira (27) em Campo Grande. Gustavo Roman, de 31 anos, foi encontrado durante investigações da Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico).

O suspeito fazia entregas com uma comparsa, Alexandra Tomasine Esquivel, de 18 anos, que também foi presa. O casal estava em um veículo Peugeot 207, cor branca, que tinha no porta-luvas uma pistola calibre .25, municiada, além de 02 papelotes de cocaína e 01 papelote contendo 01 comprimido de ectsasy e 05 micropontos de LSD.

Após apreensão da arma e entorpecente, foi realizada busca no imóvel do criminoso, onde foram localizadas 39 porções e mais 05 potes de maconha (skunk), que pesaram 25.700g, e também 01 pedra e 01 papelote de cocaína.

No imóvel também foram apreendidas 02 balanças de precisão e petrechos para preparo da droga e embalagem do entorpecente, assim como dinheiro provenientes do tráfico. A dupla confessou que traficava, sendo que Alexandra acompanha Gustavo nas entregas e lhe levava aos locais combinados com os compradores de droga.

O casal foi autuado por tráfico de drogas, associação para o tráfico e Gustavo por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido. Eles serão apresentados em audiência de custódia amanhã (27).

Prisões – Em janeiro do ano passado Gustavo já havia sido preso pelos mesmos crimes. Na época, ele atuava a com a esposa, a fisioterapeuta Eliane Aparecida Benitez Garcia, de 38 anos, e eram donos de uma conveniência na Avenida Bom Pastor, em Campo Grande.
Além da droga o polícias encontraram com a dupla quase R$ 20 mil em dinheiro do tráfico, durante esta primeira prisão.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário