A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

13/03/2016 16:18

Cerca de 300 motociclistas iniciam manifestação na linha de frente

Priscilla Peres e Antonio Marques
 (Foto: Marcos Ermínio) (Foto: Marcos Ermínio)
Motociclistas iniciam protesto na avenida Afonso Pena. (Foto: Antonio Marques)Motociclistas iniciam protesto na avenida Afonso Pena. (Foto: Antonio Marques)

O protesto contra a corrupção e a favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) já ocupa seis quadras da avenida Afonso Pena, em Campo Grande. Entre as pessoas, muitas vestem verde amarelo, entre famílias, crianças e motociclistas. 

Um grupo com cerca de 300 motociclistas ocupa várias quadras da avenida, e está bem no início do grupo, logo atrás do trio elétrico. São participantes de motoclubes de Campo Grande, que foram para às ruas protestar.

Cerca de 40 pessoas chegaram ao protesto em cavalos e estão na esquina da avenida Afonso Pena com a rua 13 de junho. Muitos são de fazendas e vieram do interior para protestar. A maioria pede o fim da corrupção e mudanças na política brasileira.

Entre os manifestantes, um grupo protesta contra o Tribunal de Contas de Mato Grosso do Sul. Eles passaram no concurso de 2014, não foram chamados até hoje e para garantir uma vaga, entratam com mandado de segurança no mês passado.

Até as 19h, o organizadores esperam reunir 100 mil pessoas. Ao lado do trio, integrantes da Escola de Samba Igrejinha também participam da manifestação.

Muitos com camisa verde e amarelo exibem cartazes. (Foto: Marcos Ermínio)Muitos com camisa verde e amarelo exibem cartazes. (Foto: Marcos Ermínio)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions