A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

02/06/2016 17:31

Chuva de 30 minutos transforma rua em rio e assusta moradores

Antonio Marques e Michel Faustino
A chuva de meia hora abriu cratera na Rua Martin de Sá nesta tarde (Foto: Alcides Neto)A chuva de meia hora abriu cratera na Rua Martin de Sá nesta tarde (Foto: Alcides Neto)
A dona de casa Carmem da Silva diz que os moradores já pediram à prefeitura para solucionar o problema na rua (Foto: Alcides Neto)A dona de casa Carmem da Silva diz que os moradores já pediram à prefeitura para solucionar o problema na rua (Foto: Alcides Neto)

Meia hora de chuva no início da tarde desta quinta-feira (2) foi suficiente para assustar os moradores da Rua Martin de Sá, próximo da Rua Barbacena, na divisa da Chácara dos Poderes e o Conjunto Leon Denizard Conte, região do Noroeste. A esquina foi totalmente alagada e as ruas mais pareciam um rio, contou a aposentada Maria Helena de Jesus, 61 anos.

Ela disse ter ficado desesperada ao ver a enxurrada subindo, a rua completamente alagada e água invadindo seu terreno. “Precisei fazer umas valetas para evitar que a enxurrada entrasse dentro de casa”, contou Maria Helena.

Outra moradora da Rua Martin de Sá, a dona de casa Carmem da Silva, 53 anos, comentou que a situação na frente de sua casa começou a se agravar há cerca de uns três meses, quando a prefeitura fez um serviço de tapa buraco na rua, após as fortes chuvas do início do ano que atingiram a Capital. “Eles usaram pedras e entulhos no serviço e isso fez com que a água ficasse represada até determinada altura”, comentou ela.

Depois do serviço feito, segundo Carmem da Silva, as chuvas mais fortes tem provocado enxurradas mais fortes, provocando alagamento da rua e abertura de crateras. Ela lembra que os moradores já procuraram a prefeitura para que uma providência fosse tomada, mas até agora nada teria sido feito. “Toda vez que chove, os moradores aqui ficam ilhados, pois não conseguem sair de casa e nem entrar até que baixe o nível da água”, observou ela.

“Nós estamos esquecidos. A gente precisa que a prefeitura olhe por nós. Essa situação pode ficar ainda mais grave e trazer prejuízos ainda maiores”, destacou a dona de casa.

Procurado pelo Campo Grande News, o Secretário Municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação, Amilton Cândido, fez o compromisso de encaminhar uma equipe no início da manhã desta sexta-feira, 3, ao local para avaliar os estragos e ouvir os moradores, no sentido de solucionar o problema.

Rio - O construtor Clayton Castilho, 30 anos, gravou um vídeo do momento da chuva na região da Chácara dos Poderes. Ele chega a comentar que as imagens não são de um rio e sim de uma das ruas do bairro. Além disso, o construtor reclama do abandono da região.

Ação oferece serviço especial na UBSF do Tarumã nesta terça-feira
A UBSF (Unidade Básica de Saúde da Família) do Tarumã promove nesta terça-feira (12) diversas atividades voltadas para a promoção de saúde da populaç...
Prefeitura e Sebrae fazem estudo em lojas para revitalizar rua 14 de Julho
A prefeitura de Campo Grande a o Sebrae de Mato Grosso do Sul estão realizando na rua 14 de Julho, Centro da cidade, um estudo técnico em 230 lojas, ...
Mau atendimento e buracos em pista atrapalham alunos em prova do Detran
O mau atendimento prestado por alguns dos examinadores e buracos presentes na pista de provas do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions