A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

18/12/2013 16:50

Chuva forte causa alagamentos e falta de energia em vários bairros

Mariana Lopes, Zana Zaidan e Edivaldo Bitencourt
Moradores estão com dificuldade para atravessar rua (Foto: Marcos Ermínio)Moradores estão com dificuldade para atravessar rua (Foto: Marcos Ermínio)

Uma forte chuva, com trovoadas e vento, atinge várias regiões de Campo Grande na tarde desta quarta-feira (18). Alguns pontos da Capital também estão sem energia elétrica e há alagamentos em outros. Moradores enfrentam dificuldade para atravessar as ruas e motoristas trafegam com dificuldades em várias vias da cidade.

Na Avenida Júlio de Castilho, a enxurrada está invadindo vários estabelecimentos comerciais. O Córrego Serradinho ameaça transbordar na Avenida Capibaribe, no Jardim Silvia Regina, na saída para Aquidauana. 

Na Avenida Gury Marques, na saída para São Paulo, o tráfego de veículos é intenso e veículos trafegam com dificuldade. A enxurrada também é forte na Via Morena, entre as avenidas Costa e Silva e das Bandeiras. 

No bairro Jardim São Lourenço, região leste da cidade, próximo ao Comper da avenida Eduardo Elias Zahran, a quantidade de água alagou a via no sentido Rui barbosa/Ceará.

A chuva começou fraca por volta das 16h, e engrossou em mais ou menos 20 minutos. O temporal veio acompanhado de ventos fortes e raios, conforme comenta o estudante Daniel Dauzacker.

Na região central de Campo Grande a chuva também chegou com força. Também chove bastante na saída para São Paulo, na Capital.

No bairro Santo Amaro, região da Capital, diversos pontos comerciais e residências estão sem energia alétrica, segundo informações da assessoria de imprensa da Enersul.


Guarda oferece palestra sobre prevenção e combate às drogas em Uneis
Jovens da Unei (Unidades Educacional de Internação) Dom Bosco e da Unidade de Internação Feminina Estrela do Amanhã, em Campo Grande, receberam pales...
Cadastramento biométrico é oferecido pela Carreta da Justiça em Anhanduí
Desde o início desta semana a Carreta da Justiça está realizando atendimentos da biometria no distrito de Anhanduí, no município de Campo Grande, gra...


o problema quando chove em Campo Grande é que a CIAPTRAN, a AGETRAN e a DEFESA CIVIL somem, desaparecem, quando chove.Os telefones estão ocupados(interessante) e a cidade vira um caos.Será que não existe um projeto, um plano ou alguma coisa que diga que quando chove é necessário ações pro-ativas?
 
Carlos Henrique em 18/12/2013 20:06:53
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions