A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

09/03/2013 08:52

Com reforço policial, mirante fica vazio e jovens migram para baile funk

Mariana Lopes
Polícia descobre ponto de aglomeração e também reforça segurança em baile funk no Santo Antônio (Foto: Marcos Ermínio)Polícia descobre ponto de aglomeração e também reforça segurança em baile funk no Santo Antônio (Foto: Marcos Ermínio)
As portas da boate abriram por volta da meia noite e depois deste horário o movimento diminuiu em frente à casa noturna (Foto: Marcos Ermínio)As portas da boate abriram por volta da meia noite e depois deste horário o movimento diminuiu em frente à casa noturna (Foto: Marcos Ermínio)

Depois que um rapaz foi espancado e o carro dele incendiado no mirante do Aeroporto Internacional de Campo Grande, localizado na avenida Duque de Caxias, no final de semana passado, desde a última segunda-feira (4) o patrulhamento policial ganhou reforço na região para evitar aglomerações de jovens, bagunça e som alto.

No mirante, segundo os moradores, a baderna ia de quinta-feira a domingo, sempre depois das 23h. Porém, na madrugada  deste sábado (9), o cenário foi bem diferente dos últimos finais de semana. Nada de som automotivo, pessoas bebendo e interditando parte da via, muito menos aglomeração. Em frente ao aeroporto só havia a viatura da Polícia Militar.

Por ordens do Comando Geral da PM, desde a segunda-feira passada e por tempo indeterminado, pelo menos uma viatura policial deve ficar no mirante das 18h às 6h, reforçando a segurança durante a noite e a madrugada.

A presença da polícia espantou os baderneiros de plantão do local, mas o problema não acabou, só mudou de endereço. “Eles ficam migrando de um ponto para outro, quando não é aqui, é em posto, em conveniência, daí a gente tenta achar os novos pontos de tumulto”, afirma o soldado da PM Evaristo Falcão de Oliveira, que ajudava no reforço policial no mirante do aeroporto.

Viatura da Polícia Militar reforça a segurança do mirante desde a última segunda-feira e local esvazia (Foto: Marcos Ermínio)Viatura da Polícia Militar reforça a segurança do mirante desde a última segunda-feira e local esvazia (Foto: Marcos Ermínio)
Outro ponto que os jovens costumavam se aglomerar é o Posto Panamá, na avenida Júlio de Castilho, que também estava vazio nesta madrugada (Foto: Marcos Ermínio)Outro ponto que os jovens costumavam se aglomerar é o Posto Panamá, na avenida Júlio de Castilho, que também estava vazio nesta madrugada (Foto: Marcos Ermínio)

Outro ponto no qual a Polícia Militar estava em alerta é o posto panamá, localizado na avenida Júlio de Castilhos com a Yokoama. O local tem o histórico bem parecido com o do mirante, de aglomerações, badernas, som alto e jovens alcoolizados. Mas na madrugada de hoje, o movimento por lá também estava calmo.

“Os policiais estão passando direto aqui, de camburão ou de moto, então os jovens dispersam mesmo”, conta o frentista Alexandre Antunes. Segundo o funcionário do posto, no local não é permitido som automotivo, mas mesmo assim as pessoas ficavam por lá, por causa da conveniência, mas estacionavam os carros em uma via de terra que fica na lateral do estabelecimento.

Quando a reportagem do Campo Grande News chegou ao posto, havia um único carro com cinco jovens tomando cerveja, mas sem fazer bagunça. Porém, ao perceberem a aproximação da imprensa, eles entraram no carro e foram embora.

Por fim, encontramos o ponto onde os jovens se reuniram nesta madrugada. Uma casa de baile funk, localizada na rua Taquari, no bairro Santo Antonio. As portas da boate abriram por volta da meia noite, mas antes disso a concentração de pessoas era grande em frente ao local.

O produtor da festa, Jean Medina, garante que às sextas-feiras e aos sábados, dias nos quais têm festa na casa noturna, não há bagunça e nem confusão. “Eles ficam lá na frente só até a gente abrir as portas, depois todo mundo entra e acaba a aglomeração, não fica nem carro com som alto, porque não deixamos, temos seguranças particulares, alvará, tudo certinho”, afirma.

Pouco antes de a entrada ser liberada, uma viatura da Polícia Militar chegou ao local. “Soubemos que o pessoal que ficava no mirante migrou para cá, então viemos fazer o reforço aqui também”, explicou o tenente da PM Edicézar Zeilinger.

Em poucos minutos em frente à casa de funk, os policiais militares abordaram um homem que pisava no acelerador com o carro parado, fazendo barulho com o motor e subindo fumaça dos pneus.

No Corsa estava o motorista, Jonas Soares Vilela, 34 anos, e mais quatro pessoas, entre homens e mulheres. Dentro do veículo, os policiais disseram que encentraram latas de cerveja, mas o condutor negou que estivesse bebendo.

À reportagem do Campo Grande News ele disse que estava acelerando só para conseguir sair de trás de outro carro e que foi até à boate para deixar uns amigos que ficariam na festa e ele já ia embora.

Depois da ação dos policiais, a boate abriu as portas e os jovens rapidamente dispersaram. Em poucos minutos a frente a rua estava praticamente vazia, mas os policiais militares continuaram na região.

“Vamos bater em cima, fiscalizar mesmo e dispersar quando for necessário, essa é a ordem”, comenta o tenente, que ainda alerta para aglomerações e bagunças nas feiras dos bairros próximos ao mirante, como as do Jardim Aeroporto, Petrópolis e Búzios.



Os moradores do bairro santo antônio não aguentam mais essa bagunça que acontece todos os finais de semana nessa boate, em um bairro que era pacato e gostoso de morar e acima de tudo fica perto de um seminário e igreja católica,eles bebem descontroladamente e fazem chichi nos muros da vizinhança deixando mau cheiro e lixo nos quintais,e estão destruindo uma praça de ginastica para idosos que construíram no local antes abandonado agora deixam abrir uma boate no local os moradores querem uma providencia para o bairro,
 
DIANA MARTINS em 31/03/2013 18:49:38
Parece que Campo Grande, para não chegar ao ponro de outras cidades, terá que conviver com uma forma ditatorial de segurança, com muita repressão policial, senão a coisa vai descambar para o incontrolável.
 
Jorge Souza em 10/03/2013 01:18:21
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions